Receitas tradicionais

Revisão de bebidas espirituosas: Whisky irlandês Kilbeggan

Revisão de bebidas espirituosas: Whisky irlandês Kilbeggan

Fundada na Irlanda em 1757, a destilaria Kilbeggan criou um dos uísques irlandeses originais. A empresa afirma ser a destilaria licenciada mais antiga do mundo; no entanto, houve um breve hiato. Graças à Guerra da Independência da Irlanda e aos efeitos devastadores da Lei Seca dos Estados Unidos na indústria do whisky irlandês (após o fim da Lei Seca, o whisky escocês roubou seu lugar no cânone de bebidas americano), a destilaria original cessou a produção em 1953 e fechou em 1957. Então reaberto quando foi comprado na década de 1980 pela recém-criada empresa Cooley.

Menos conhecido fora da Irlanda do que as marcas dominantes no mercado Jameson e Bushmill’s, o Kilbeggan é primeiro destilado duas vezes a partir da cevada maltada na destilaria Cooley em uma panela de cobre de 3.000 litros ainda da década de 1840. O licor é então levado para Kilbeggan, no centro da Irlanda, onde é envelhecido em barris de bourbon usados ​​e armazenado em depósitos centenários. O resultado é o whisky irlandês com 80 provas, o carro-chefe da bebida, criado para ser uma bebida fácil de beber para o dia-a-dia.

Kilbeggan tem aromas suaves e amanteigados levando a um sabor cítrico, baunilha e caramelo no nariz. Isso se abre para uma sensação quente e redonda na boca no palato, com tons de pêssego e malte. O final é geralmente liso, embora um pouco amadeirado e adstringente. No geral, é mais macio e suave do que outros uísques irlandeses.

No entanto, embora seja suave, falta um pouco de caráter. Este não é um uísque complexo, mas seria uma boa escolha para quem gosta de uísque ou está começando a se abrir para o uísque. Pelo preço, é uma bebida muito suave e versátil, boa para bebericar e misturar.

À medida que avançamos para o final do outono, Kilbeggan seria um ótimo complemento para um café irlandês.

Café irlandês

4 onças de café acabado de fazer
1½ onças de uísque irlandês Kilbeggan
1 colher de chá de açúcar mascavo
Uma colher cheia de chantilly
Noz-moscada e chocolate para enfeitar

Em um copo aquecido, despeje o whisky e misture com o café e o açúcar mascavo até dissolver. Em cima com chantilly e em cima com noz-moscada ralada e chocolate.

- Jen Kilius, The Drink Nation

Mais do Drink Nation:

4 razões pelas quais a véspera de Ação de Graças é a maior noite de bebidas do ano
Revisão da cerveja: Green Flash-Brasserie St. Feuillien Friendship Brew
Wynkoop Brewing Company busca o refrigerante do ano em 2013


Destilaria Kilbeggan

Destilaria Kilbeggan (anteriormente Destilaria Brusna e Destilaria Locke) é uma destilaria de whisky irlandesa situada no rio Brosna em Kilbeggan, County Westmeath, Irlanda. É propriedade da Beam Suntory. Uma pequena destilaria ainda, a licença para destilar data de 1757, uma cópia da qual pode ser vista na destilaria.

Destilaria Kilbeggan
LocalizaçãoKilbeggan
ProprietárioBeam Suntory
(Suntory)
Fundado1757
FundadorMatthew MacManus
StatusOperativo
No. de fotos2 destilarias (destilador de lavagem: 3.000 L, destilador de álcool: 1.800 L) [1]
Naftalina1957, reaberto em 2007
Local na rede Internet www .kilbegganwhiskey .com
Kilbeggan Distillery Reserve Single Malt
ABV40%
Kilbeggan Small Batch Rye
ABV43%

Semelhante a muitas destilarias irlandesas, Kilbeggan enfrentou dificuldades financeiras durante o início do século 20 e interrompeu as operações em 1957. No entanto, a licença foi mantida e a destilaria foi posteriormente reformada, com a destilação recomeçando no local em 2007.

Devotos notáveis ​​dos uísques da destilaria incluem o primeiro-ministro britânico, Sir Winston Churchill, e Myles na gCopaleen, o dramaturgo irlandês. [2]


Os 8 uísques irlandeses para ajudá-lo a entrar no espírito, literalmente

Alguns estereótipos (inócuos) distorcem nosso senso coletivo de uísque irlandês: que é sempre triplamente destilado (não é verdade), que, portanto, é geralmente "mais leve" e "mais suave" do que o escocês (também não é verdade). Os fundamentos do whisky irlandês são na verdade muito simples: ele tem que ser feito na Irlanda, destilado a menos de 94,8% ABV e envelhecido por pelo menos três anos em barris de madeira. Além disso, é o capricho do destilador. O uísque irlandês pode ser feito com cevada destilada e não maltada, ou misturado com uísque de grão destilado em coluna. E, como o escocês, pode ser envelhecido em uma variedade de barris de destilados / licores pós-uso, conferindo mais sabor com o tempo. (Ao contrário do uísque escocês, o uísque irlandês pode ser feito com a adição de enzimas, mas isso é outra história. Além disso, há & # 8217s que & # 8220e & # 8221 no nome. Simples o suficiente.)

Na verdade, é uma pena que a investida no whisky irlandês tenda a parar no primeiro degrau Jameson para muitos de nós. O fato é que, embora a Irlanda tecnicamente tenha apenas três destilarias principais, ela produz garrafas de uma complexidade incrível e estonteante - vale a pena explorar se você é um fã de uísque e deseja fazer o tour completo.

Você encontrará sabores clássicos "irlandeses" aqui, mais leves, verdes, mais verdes do que alguns uísques, mas você encontrará uísques igualmente ásperos, de ombros largos, com riqueza de biscoitos, caramelo, especiarias, fumo, mais do que uma correspondência para seus primos escoceses. Mas esqueça a leitura. Achamos que a melhor maneira de entender o espírito é como a natureza, e um bando de destiladores irlandeses, intencionados: uma garrafa de cada vez.

Jameson Blended Whisky


Não há como evitar - Jameson é um clássico, e com razão (embora se você realmente entrar no whisky irlandês, vai querer começar a subir na escada Jameson). Mas este merece ser mencionado porque é um whisky puro irlandês, leve e potável, com notas características de flores, grama e frutas, um toque de mel e baunilha para suavizar as coisas. (Não há necessidade de atirar neste, PS.)

Bushmill's Black Bush


O Bushmill's também tem um whisky irlandês clássico triplamente destilado que é alguns dólares mais barato. Mas se você pode pagar, vá Black Bush. UMA whisky misturado, o que significa que é uma mistura de uma coluna mais leve e uísques ainda mais ricos. Envelhecido por 11 anos em barris de xerez, você obterá boas frutas (uva, frutas cítricas) juntamente com notas de biscoito da cevada. Fácil ao paladar. E carteira. (Bushmill's também faz um Single Malt de 10 anos por cerca de US $ 55.)

Único grão de 8 anos Kilbeggan


Os grãos individuais não são algo que você verá em todos os lugares, então vale a pena tentar. O Kilbeggan’s 8 Year é o “único whisky irlandês de grão único envelhecido” da Irlanda, feito principalmente com milho em vez de cevada e amadurecido em barris de bourbon. Procure frutas tropicais, nozes, mel, baunilha, notas de especiarias do carvalho.

Glendalough Double Barrel Irish Whiskey


Outro grão único, ou seja, o produto de uma destilaria, feito com cevada maltada e milho, que passa três anos e meio em barris de Bourbon de primeiro enchimento de carvalho americano e mais seis meses em barris de xerez Oloroso. Espere um jogo de profundidade de caramelo e frutas com nozes do barril de Sherry, misturado com baunilha sutil.

Tyreconnel Single Malt Irish Whiskey


Malte unico, como o grão único, é o produto de uma destilaria, exceto que esta é feita de cevada maltada destilada em um pote de destilaria (sem whisky de grão). Por apenas 35 dólares ou por aí, você obtém uma forma mais rara de uísque irlandês com frutas, especiarias, doçura de cevada e um pouco de grama seca no final. Suave no palato.

Whisky irlandês de grão único Teeling


Se você está procurando fazer alarde em um whisky irlandês de grão único, Teeling pode ser o caminho a percorrer. Terminar o uísque em barris de Cabernet Sauvignon extrai um pouco mais de frutas - uvas vermelhas, cranberry - com especiarias sutis no nariz e uma doçura equilibrada.

Connemara Peated Single Malt


Aqui está um uísque irlandês de single malte que é realmente turvado - o que significa que a cevada maltada é seca em fogo de turfa. Essa fumaça penetra no paladar, contorcendo notas de florais, cevada e mel rico. Se você gosta de uísque turco - algo um pouco mais sutil e menos salino do que Ardbeg ou Laphroaig -, um bom uísque irlandês para começar. Também é o único Single Malt com pêlo do mercado.

Redbreast 12 Anos Único Pote MELHOR SPLURGE


“Whisky geral do ano” no Irish whisky Awards de 2013, um whisky “pure pot still” - um clássico estilo irlandês, feito de malte e cevada não maltada em uma panela ainda - você obterá grande complexidade do nariz, nozes, cítricas, picantes, que continuam no paladar, um pouco mais rico, quase cremoso. Spice seca o final longo.


Comentário: Kilbeggan Small Batch Rye Irish Whiskey

A destilaria irlandesa & # 8217s & # 8220oldest continuamente licenciada, & # 8221 Kilbeggan, lançou um novo uísque que & # 8220 presta homenagem à era de ouro do uísque irlandês. & # 8221 Kilbeggan Small Batch Rye é uma edição limitada que inclui 30 por cento centeio no purê (o resto é cevada), um retorno ao final dos anos 1800, quando os mashbills com alto teor de centeio eram comuns no país. (O centeio praticamente não é usado no uísque irlandês atualmente.) A bebida destilada em dois pote é também o primeiro uísque a ser lançado pela empresa 100% destilado e amadurecido na destilaria Kilbeggan desde que sua restauração foi concluída em 2010.

Chamar isso de um uísque irlandês único é certamente um eufemismo. Não é remotamente semelhante aos estilos irlandeses clássicos & # 8212, sejam eles single pot ou não & # 8212, portanto, os fãs do gênero podem querer ir com cautela.

No nariz, o whisky é imediatamente rosado e um pouco úmido, com notas de sândalo e almíscar que lhe dão um ar de colônia masculina. Notas de cânfora surgem com o tempo. Na boca é mais envolvente, maltado e ligeiramente amadeirado, com toques de chocolate. O tempero esperado do centeio, entretanto, nunca se materializa totalmente. Embora algumas notas mais escuras de especiarias de cozimento apareçam no início, no final das contas o que sobrou na língua é mais parecido com grafite do que qualquer coisa no armário de temperos. O acabamento é bastante seco & # 8212 austero, verde e às vezes amargo, deixando um com um efeito geral bastante amadeirado e um pouco rústico.

É um experimento curioso, com certeza, e um que vale a pena tentar pelo menos uma vez, mas é, em última análise, um afastamento do estilo irlandês que simplesmente parece um retrocesso.


O melhor uísque irlandês

Redbreast 21 anos

Nossa escolha para o melhor whisky irlandês é Redbreast 21 Year.

Originário de County Cork, Irlanda, com 46% ABV, Redbreast 21 Year é um único uísque irlandês rico e picante que foi amadurecido exclusivamente em barris de bourbon e xerez de primeiro enchimento.

No nariz, Redbreast 21 Year é matizado e enérgico, com um aroma incrível de frutas tropicais frescas, nozes e frutas secas.

Prove este uísque irlandês filtrado não relaxante e você apreciará o sabor de baunilha, carvalho, xerez, nozes e especiarias.

No geral, Redbreast é rico e muito profundo no paladar, com notas de fruta, mentol, especiarias e couro com uma sensação cremosa na boca. Além disso, alguns revisores relatam manga madura, brioche e toffee no palato.

No final longo, texturizado e esfumaçado, Redbreast 21 apresenta carvalho, ainda mais especiarias de pote e cevada.

Recomendamos desfrutar do Redbreast 21 Year puro ou com gelo. Mas se você gosta de bebidas mistas, Redbreast funciona bem em coquetéis irlandeses clássicos, como Priest’s Tipple, Red Hush e Robin Song.

Não importa como você bebe, simplesmente experimente este premiado uísque irlandês e você concordará que, sem dúvida, Redbreast 21 Year está no topo de qualquer melhor classificação de uísque irlandês.

Knappogue Castle 16 anos de malte único

$ 5 de desconto na próxima compra, use o código: DRIZLYDEAL

Engarrafado a 40% ABV, o Knappogue Castle 16 Year Single Malt é um uísque irlandês excepcional. É triplamente destilado e envelhecido na perfeição em barris de bourbon e xerez.

O nome da marca vem do histórico Castelo Knappogue, no condado de Clare, originalmente construído em 1467. Knappogue é também um dos últimos whiskies irlandeses engarrafados independentemente disponíveis.

Este processo de envelhecimento de 16 anos adiciona notas complexas de nozes e xerez. De cor âmbar dourado profundo, também há doçura de chocolate no nariz, com malte granulado e especiarias.

Beba este single malt e você notará uma sensação na boca suave com um perfil suave e variado que apresenta xerez, especiarias e pimenta por cima, mas logo se desenvolve em madeira, com subtilezas sutis de frutas e nozes.

No final, espere mais pimenta e madeira, dando lugar ao apimentado, mas também malte e baunilha. O calor deste uísque permanece com você muito depois do seu último gole.

Aqueles que estão familiarizados com o Knappogue 16 Year sugerem combiná-lo com uma sobremesa de chocolate. Seja como for, o Knappogue é definitivamente um dos melhores whiskies irlandeses do mercado.

Green Spot Irish Whiskey

Achamos que vale a pena tentar qualquer uísque irlandês que conte com Mick Jagger e Daniel Day Lewis como fãs, e ambas as lendas são conhecidas por gostar de uma gota de uísque irlandês Green Spot.

Na cor âmbar, sem declaração de idade, o Green Spot Irish Whiskey é um uísque irlandês de um único pote envelhecido por até uma década em bourbon novo, bourbon refil e barris de xerez.

Fabricado em Cork, Irlanda, o Green Spot tem 80 provas e um dos poucos uísques irlandeses remanescentes.

A Mancha Verde é fresca e aromática no nariz, com cheiro de pomar, cevada e madeira tostada. Você também notará um pouco de hortelã-pimenta, malte, cevada doce, mingau açucarado, baunilha cremosa, mamão e frutas cítricas.

Prove este whisky encorpado e descubra um toque de cravo e doces maçãs verdes. O carvalho torrado completa tudo com os sabores persistentes de especiarias e cevada.

Há também carvalho de Bourbon suave, madeiras verdes, mentol e potpourri, levando a um final longo e suave pontuado com baunilha cremosa.

Tome um gole puro, com gelo ou misture no seu próximo coquetel. Não importa o que você escolha, o Green Spot é sem dúvida um dos melhores uísques irlandeses do mercado.

Tyrconnell Single Malt Irish Whiskey 16 anos

$ 5 de desconto na próxima compra, use o código: DRIZLYDEAL

Tyrconnell é uma marca histórica de whisky irlandês, recentemente revivida pela Cooley Distillery em County Louth.

Usando água de nascente irlandesa, a Tyrconnell destila duas vezes seu Single Malt Irish Whiskey em uma tradicional panela de cobre, usando estritamente cevada da Ilha Esmeralda.

De cor ouro brilhante, essa bebida é então envelhecida 16 anos em barris de bourbon de carvalho americano e testada com 46% ABV.

O nariz de Tyrconnell evoca frutas com notas subjacentes de carvalho. Também há raspas de maçã, pêssego e laranja, bem como baunilha e coco na ponta da cauda.

O frutado continua no paladar com melão, frutas verdes, pêra cristalizada, creme de baunilha e coco fazendo sua aparição.

No geral, o paladar é leve e acessível com uma sensação na boca oleosa e viscosa, construindo para um clímax de fruta, antes de voltar para um sabor de amêndoa seca.

O final longo de Tryconnell é sutil e doce, com carvalho e muitas especiarias.

Melhor servido puro ou com apenas um pouco de água, o Tyrconnell é um single malte encorpado, rico e frutado que ganha seu lugar em qualquer lista dos melhores whiskies irlandeses.

Whisky irlandês Clontarf 1014 Classic Blend

O uísque irlandês Clontarf 1014 Classic é originário do condado de Cork. É triplamente destilado em barris de bourbon com apenas os melhores ingredientes irlandeses e, em seguida, misturado com perfeição e amadurecido em carvão de carvalho irlandês do Atlântico.

O resultado é um ouro médio, suave, cheio de sabor e perfeitamente equilibrado, com um aroma rico e acolhedor. Com apenas 40% ABV, Clontarf é uma prova relativamente baixa. Mas no nariz, o blend clássico é melado, com carvalho torrado, baunilha e a quantidade certa de malte.

Na boca, Clontarf 1014 é delicado, complexo e macio, com sabores de baunilha, malte e toffee. Há também frutas cítricas, frutas maduras e pimenta branca, bem como especiarias, carvalho e apenas um toque de grama cortada.

O final de Clontarf é curto, continuando os sabores sutis do carvalho, ao lado de uma ligeira doçura e agradável quantidade de amargor.

Leve, refrescante e versátil, Clontarf 1014 é melhor apreciado com gelo, derramado sobre o gelo em um copo alto. Ou adicione um pouco de água ou sua batedeira favorita.

Writer & # 8217s Tears Pot Still Irish Whiskey

$ 5 de desconto na próxima compra, use o código: DRIZLYDEAL

Existe um nome melhor para um whisky irlandês do que Writer’s Tears? Nós não pensamos assim.

Destilado triplo sem grãos e 40% ABV, Writer’s Tears é um único pote único ainda com uísque de single malte. É de cor dourada, sem turfa, maturado e envelhecido em cascos de bourbon de carvalho americano.

Sobre a distinta base do pote, há maçã, com notas de baunilha e mel no nariz, junto com mel escuro e raspas de limão cristalizadas.

No palato mole, Writer's Tears é suavemente temperado, com rajadas de gengibre e caramelo, com notas de carvalho torrado no fundo.

Há também um sabor que é algo como Cookie Crisp Cereal, junto com pequenas quantidades de baunilha e especiarias para assar. Com o final longo e elegante do Writer's Tears, você desfrutará de um sutil chocolate ao leite e amêndoas.

O Writer's Tears é melhor apreciado sozinho ou com um pouco de água. Sem dúvida, é um dos melhores uísques irlandeses disponíveis.

Tyrconnell Sherry Cask Single Malt

Depois de passar uma década em barris de bourbon, o whisky de malte único Sherry Cask da Tyrconnell passa até mais oito meses em barris de xerez Oloroso da Espanha e engarrafado a 92 provas.

Você notará a influência dos barris neste uísque. Com um toque de sobremesa e final escuro, este single malte retém notas de xerez contra notas de tarte Tatin e creme.

Cor de bronze dourado pálido, o Sherry Cask Single Malt da Tyrconnell’s é suave na textura, com sabores de caramelo toffee, frutas secas e casca de frutas cítricas.

O aroma é picante e coriáceo, com chocolate, caramelo de creme, frutos secos e especiarias exóticas, bem como carvalho tostado. Também há pêssego, framboesa e nozes no nariz.

Você pode até notar tâmaras, nozes e passas.

Apesar dos sabores quentes e terrosos da bebida, este single malte permanece fresco e frutado. No paladar, é seco e picante e o final se instala bem no sabor de cola de cereja.

Definitivamente o melhor uísque irlandês para quem gosta de doces, o Sherry Cask Single Malt da Tyrconnell’s é melhor apreciado puro - é como um coquetel por conta própria!

The Irishman 12 anos Single Malt

O Irishman 12 Year Single Malt é amadurecido em barris de bourbon de primeiro enchimento, selecionados à mão e carbonizados à chama.

Apenas cerca de 6.000 garrafas são produzidas anualmente, e cada garrafa filtrada não refrigerada é numerada por lote e marcada pela qualidade.

De cor âmbar e 43% ABV, a influência dos barris de ex-bourbon torna-se imediatamente aparente no nariz, com notas leves, doces e picantes de baunilha, canela e um pouco de cravo.

No nariz, também há pêssego, maçapão, mel, pastilha elástica e grãos. Está tudo bem equilibrado com maçãs e peras, madeira carbonizada e feno recém-cortado.

Beba este uísque e ele explode com sabores como baunilha, pimenta preta e cereais com ervas. Existem também os sabores de cevada e carvalho antes de tudo terminar com fudge de leite cremoso e um final de chocolate escuro.

Você também pode notar mel cru, frutas tropicais, tanino de barril e carvão, desbotando para um amadeirado seco e à base de ervas.

Adicione um pouco de água a este 12 anos para realçar seus sabores. Não importa o quanto você goste, não há dúvida de que The Irishman 12 Year Single Malt é um dos melhores uísques irlandeses disponíveis.

Connemara Peated Single Malt 12 anos

$ 5 de desconto na próxima compra, use o código: DRIZLYDEAL

Com um sabor esfumaçado de turfa, o Connemara Peated Single Malt 12 anos atrai os fãs de uísque escocês, e é o único whisky irlandês de turfa no mercado hoje.

Com 40% ABV, este uísque tem uma cor muito clara, sem corante caramelo. No nariz, Connemara 12 Year é fresco e vivo, com laranja picante, limão e um toque de baunilha cremosa. Também há aromas de frutas e mel.

A fumaça da turfa é uma constante ao longo da experiência, mas permanece bem equilibrada na mistura, da primeira inalação ao final.

Quando você prova este uísque, ele é inicialmente doce e frutado, com sabor de pêra, maçã, creme de baunilha, gengibre e carvalho picante. Você também pode experimentar mel e baunilha, bem como canela, maçãs secas e um leve amadeirado.

No geral, Connemara 12 Year é leve no corpo, com algumas características típicas de barril Bourbon. O final longo inclui notas de frutos secos, pinho, doçura açucarada, carvão e madeira velha.

Experimente e você vai concordar, este raro uísque irlandês turfoso pertence a qualquer lista dos melhores uísques irlandeses.

Etiqueta Powers Gold

Diz-se que o Powers Gold Label é “cortado do coração do destilado”, o que significa que apenas o que é bom entra na mistura.

É um whisky irlandês misturado feito de destilado triplo destilado e whisky de grão produzido na destilaria Midleton em County Cork. Não há declaração de idade.

A Powers amadurece seu Gold Label por até seis anos em barris de carvalho americano antes de engarrafá-lo a 43,2% ABV ou 86,4 provas. Este processo de envelhecimento é responsável pelo tempero e caráter ousado do espírito.

No geral, Powers Gold Label tem um sabor complexo e meloso, com canela, óleo de cravo e pimenta branca, equilibrado com maçã, pêra e um fundo de carvalho carbonizado.

Os óleos e especiarias da panela comprida ainda se transformam em cevada, madeira torrada e no sabor complexo do mel.

No nariz, aveia, mel, flocos congelados e até madressilva. O paladar é cremoso com sabor de malte ao lado de torrada amanteigada.

Um pouco de tempero vai do começo ao fim, e o mel condimentado permanece durante todo o final longo e fácil de beber.

Classificações Relacionadas

Você já escolheu o seu uísque irlandês? Vá em frente! Bem espere.

Enquanto você ainda está decidindo, vamos responder a algumas perguntas frequentes sobre o uísque irlandês e como aproveitá-lo da melhor forma.

Qual é a melhor batedeira para whisky irlandês?

Há um equívoco comum de que o whisky irlandês é melhor apreciado puro ou com gelo. Nós da RAVE dizemos para esquecer esse barulho. Aqui estão alguns ótimos coquetéis de uísque irlandês:

Café irlandês

  • 1 ½ onça de whisky irlandês
  • 2 colheres de chá de xarope de açúcar mascavo
  • Café quente
  • Enfeite com chantilly

Irlandês jack rose

  • 1 onça de uísque irlandês
  • ½ oz Calvados
  • ½ onça de suco de limão fresco
  • ½ oz Grenadine
  • Enfeite com rodela de limão

The Kilbeggan Secret Sour

  • 1 ½ onça de uísque irlandês Kilbeggan
  • ¾ oz de vermute seco
  • ½ onça de suco de limão fresco
  • ½ onça de suco de toranja
  • ¾ oz de xarope simples
  • 1 ½ oz club soda
  • 1 traço de bitters de laranja
  • Decore com um toque de limão
  • 2 onças de uísque irlandês
  • 2 onças de refrigerante de gengibre
  • ½ onça de licor de pêssego
  • 1 respingo de suco de laranja
  • Enfeite com roda de cal

Martini irlandês

The Massey Cocktail

  • 1 onça de uísque irlandês
  • 1 onça de gim
  • ¾ oz de vermute doce
  • ¼ oz Verde Chartreuse
  • ⅛ oz Campari
  • Enfeite com torção de laranja

Irlandês Zesty

  • ¾ oz Drambuie
  • 1 onça de uísque irlandês
  • ¼ oz triple sec
  • Suco de ½ limão
  • 1 respingo de ginger ale
  • Decore com um toque de limão

O whisky irlandês é mais suave do que o escocês?

É um equívoco que tudo O whisky irlandês é mais suave do que o escocês, uma vez que todo o whisky irlandês é triplamente destilado.

O fato é que muitos whiskies irlandeses são triplamente destilados e alguns whiskies irlandeses são mais suaves, com sabores mais suaves do que o Scotch.

Mas nem todo uísque irlandês é destilado triplamente, e nem todo Scotch é destilado duas vezes.

Outro equívoco sobre o uísque irlandês é que é mais suave do que o escocês porque é feito sem turfa. Isso às vezes é verdade, mas agora é uma regra dura e rápida sobre o uísque irlandês versus o escocês.

A turfa é o que dá ao uísque seu sabor forte e defumado. Muitos uísques escoceses são feitos com turfa, e a maioria dos uísques irlandeses são feitos sem turfa, mas nem todos.

O último equívoco sobre o uísque escocês e irlandês é que os irlandeses inventaram o uísque e os escoceses simplesmente roubaram a ideia. Os irlandeses produzem uísque há séculos e já foram a força motriz da indústria.

Esse domínio acabou caindo para o uísque e o bourbon, no entanto. Ultimamente, o uísque irlandês se recuperou um pouco. Mas não há absolutamente nenhuma evidência de quem inventou o uísque primeiro, o irlandês ou o escocês.

Esse é um segredo que praticamente se perdeu na história.

Como o uísque irlandês é diferente do escocês?

Escócia e Irlanda - dois países com uma longa e orgulhosa história, exemplificados de muitas maneiras pelos uísques escoceses e irlandeses. Mas qual é o melhor? Como eles são diferentes e como são semelhantes? Nós descobrimos.

O uísque irlandês deve ser feito na Irlanda e o uísque escocês deve ser feito na Escócia. Portanto, há uma semelhança entre os dois uísques.

Tanto o uísque irlandês quanto o escocês são feitos com água e cevada. Com o Scotch, a cevada pode brotar antes de ser seca com fumaça de turfa, dando à bebida um aroma e sabor mais fortes. O whisky irlandês é mais neutro em sabor e aroma.

Destilação

O whisky irlandês contém álcool continuamente destilado da cevada e outros grãos. Muitos uísques irlandeses são destilados três vezes (mas não todos), enquanto o Scotch é destilado apenas duas vezes (mas, novamente, nem todos). Alguns dizem que esse processo contribui para fortalecer o sabor e o aroma do uísque.

O uísque irlandês deve envelhecer por pelo menos três anos, enquanto o uísque escocês envelhece por dois. Ambos normalmente usam um barril de madeira para o envelhecimento.

Qual é o melhor whisky irlandês?

Existem muitas variáveis ​​a considerar ao escolher o melhor whisky irlandês. Você gosta de coquetéis ou bebe uísque puro? Você gosta do seu whisky doce ou forte e aromático?

Depois de classificar os melhores uísques irlandeses, no entanto, nós da RAVE sentimos que podemos responder com segurança quais uísques irlandeses são os melhores, divididos em três categorias: o melhor uísque de primeira linha, o melhor uísque de meia prateleira e o melhor uísque barato.

Se você adora uísque com um aroma forte, textura cremosa e sabores frutados, você vai adorar a nossa escolha para o melhor uísque irlandês, Redbreast 21 Year. Se você também precisa de um acabamento em carvalho, muito tempero de pot still e cevada, Redbreast 21 Year é definitivamente para você.

Provando que a turfa não é apenas para o uísque, nossa escolha para o melhor uísque irlandês de prateleira intermediária é Connemara Peated Single Malt 12 anos. Com os aromas terrosos da turfa, além dos sabores doce, suave e malte, Connemara vai mostrar que o melhor whisky irlandês pode vir a um preço médio.

E por falar em preço, se você acha que estar dentro do orçamento significa que não pode desfrutar do melhor whisky irlandês, pense novamente. O insanamente acessível Clontarf 1014 é triplamente destilado, envelhecido em barris de bourbon e misturado com perfeição.


Na cidade de Kilbeggan, na Irlanda, fica uma das destilarias mais antigas do mundo. Remonta a 1757. Depois de ficar parada por mais de 50 anos, a destilaria Cooley (agora de propriedade da Beam), começou a fazer uísque em Kilbeggan mais uma vez. Um dos 2 potes de cobre ainda usados ​​para fazer o Kilbeggan é uma beldade de 180 anos da Destilaria de Dew Tullamore.

Eles começaram a destilar em Kilbeggan em 2010, então o uísque que estamos bebendo foi feito na destilaria de Cooley. Não posso esperar pelo engarrafamento de Kilbeggan.

Recentemente, participamos de um jantar em São Francisco com Kilbeggan como ingrediente principal. Este uísque é um molho muito fino para costeletas de cordeiro e uma adição ainda melhor a um caramelo (que foi servido com um bolo de chocolate Guinness!) Fotos abaixo & # 8230

Kilbeggan ganhou uma medalha de ouro em 2012 no San Francisco Spirits Competition e uma prata em 2008. Ele levou a prata no International Wine & amp Spirits Competition em 2011, 2010, 2008 e um bronze em 2009.

Aparência: Meio claro mais âmbar com pernas de víscera

Nariz: Limpo com notas médias amadurecidas de caroço, carvalho, feno, café, chocolate ao leite e toffee e talvez alguns cravos.

Paladar: Álcool seco e equilibrado, corpo médio e intensidade de sabor com notas iguais no nariz. Comprimento médio com um final equilibrado de notas de carvalho.

Bom whisky irlandês simples de nível de entrada, mas carece da qualidade doce e suave que é típica do whisky irlandês. Os amantes do bourbon apreciarão sua mordida ardente.


Avaliação do whisky irlandês Kilbeggan

O uísque irlandês Kilbeggan deve o seu nome à famosa destilaria Kilbeggan, que remonta a 1757 e foi revivida por John Teeling e a destilaria Cooley em 2007. A destilaria é tão venerável que alguns apontam para ela, e não Bushmills, como a destilaria mais antiga em pé Irlanda. Alguns observadores sustentam seu caso no ponto de que Bushmills está na Irlanda do Norte e não na República da Irlanda, e se você for à destilaria em si poderá ouvir algumas reclamações sobre a licença e documentação de Bushmills & # 8217s. Certamente a instalação abriga o mais antigo ainda em funcionamento no país, já que uma das panelas de cobre é um antigo kit Tullamore Dew com quase dois séculos de existência.

O Kilbeggan Irish Whiskey, no entanto, é uma criatura de uma linhagem diferente. Como afirmado antes, é nomeado para a destilaria ao invés de realmente feito lá. A marca é anterior à reativação da destilaria e, como um whisky irlandês misturado, grande parte do conteúdo vem de tipos de whisky que nem podem ser feitos em Kilbeggan. De acordo com alguns relatórios anteriores, o pot still whisky feito na destilaria não deveria estar disponível até 2014.

Uma das coisas que diferenciam o Kilbeggan da maioria dos outros uísques da Irlanda é que ele é duplamente destilado, da mesma forma que na Escócia e nos Estados Unidos. Os defensores da destilação dupla versus tripla dizem que não circular uma terceira vez deixa mais sabores naturais no uísque, algo que os destiladores triplos contestariam, mas essas diferenças são parte do que torna o uísque irlandês tão interessante.

Quer seja grão ou malte, todo o whisky em Kilbeggan é envelhecido em antigos barris de bourbon durante pelo menos três anos. Kilbeggan é engarrafado com 40% abv. O Kilbeggan sob análise aqui é a versão para o mercado de massa e não deve ser confundido com o Malte de Reserva da Destilaria ou com o 18 anos, o que às vezes se deve à evolução da rotulagem da marca & # 8217s.

O uísque
No copo, o uísque tem uma coloração amarelo-ouro sólida, mais rica do que normalmente se espera de um uísque irlandês do mercado de massa. O nariz é suave, o perfume é predominantemente de grãos, doçura de cereais e toffee, com notas de baunilha e nozes.

O sabor traz um aspecto meloso e maltado na doçura e adiciona uma nota apimentada e amadeirada que é apenas um pouco adstringente. O final é leve, curto e continua naquela nota seca e amadeirada.

O preço
O preço normal para Kilbeggan parece ser & # 822020 & # 8221 em todos os níveis, seja em libras, euros ou dólares. Você pode encontrar um preço mais baixo ou mais alto, mas 20 parece ser a mediana.


Esse é o espírito: boom para o uísque irlandês

O espaço de prateleira em constante expansão dado ao uísque irlandês em nossos supermercados, varejo e varejo de aeroporto diz tudo: o uísque irlandês está desfrutando de um boom prolongado. As exportações estão crescendo em todo o mundo, frequentemente na casa dos dois dígitos a cada ano, incluindo as importantes categorias premium e super premium. O consumo na Irlanda está aumentando, mas a uma taxa mais modesta - cerca de 5% no ano passado.

Aparentemente, existem agora 20 destilarias operando em todo o país, com mais duas dúzias atualmente em planejamento ou em construção. Dezesseis deles têm planos de incluir centros de visitantes.

Todos os anos, a maioria das destilarias lança um ou dois uísques especiais para capturar uma fatia do valioso mercado de Natal. No mês passado, Conor McGregor entrou em ação com sua própria marca de uísque da Bushmills. Aqui está uma olhada em alguns lançamentos planejados, sem dúvida, mais virão.

Uma destilaria deve esperar três anos antes de poder chamar seu destilado de uísque, e muito mais para produzir uísque de qualidade realmente boa. In the meantime, it can buy in mature stocks from elsewhere, and finish them in a variety of casks to create its own unique brand. Some are very good indeed, others less so. However, distilleries such as Dingle, Pearse Lyons, Kilbeggan and Teeling now have their own mature stocks to draw from.

Waterford Distillery is half-way through a series of fascinating experiments, making micro-distillations of barley grown in various sites around the country. Using a combination of location, sensory analysis and science, it hopes to start mapping out the different terroirs of Irish barley. The first whiskey won’t be released until spring 2020.

Meanwhile lips are sealed at Shortcross Distillery as to when it will release its first whiskey, now mature and lying in cask in Crossgar, Co Down. Possibly before Christmas?

Relacionado

Irish Times Food&Drink Club

Powerscourt Distillery in Co Wicklow will unveil its first whiskeys later this month. There are three, all under the brand name Fercullen: a 14-year-old single malt whiskey (€90), a 10-year-old single grain whiskey (€55) and a premium-blend Irish whiskey for €42. The visitor centre, beside Powerscourt Garden Centre, will open next February.

Another first release will be Athrú, the brand name for Lough Gill Distillery in Sligo. It intends releasing three whiskeys every year in 2018, 2019 and 2020 under the guidance of renowned distiller Billy Walker. This month, Athrú Annacoona, Athrú Keshcorran and Athrú Knocknarea will be launched at Whiskey Live (see below) and make an appearance in specialist retailers. All three are 14-year-old single malts, matured in Sligo for the last four years. They are finished in PX, Oloroso and Tokaji casks. The Lough Gill Distillery forms part of the Hazelwood Estate, home to the Wynn family since 1722.

In September this year, Dublin distillery Teeling achieved a world record price of £10,000 ( about €11,370) for its Celebratory Single Pot Still, bottle #1, in an online auction. The remaining 100 bottles sold for an average of £600 a bottle. Later this month, it releases the first limited bottling of its Single Pot Still Whiskey, the first Dublin distilled whiskey in more than 40 years and the first whiskey to be distilled at the Teeling Whiskey Distillery in Newmarket. It will sell for €55.

At a more elevated level, Teeling will also release 500 bottles of a 30-year-old VRC Single Malt Whiskey, retailing at €1,500 a bottle.

In the coming weeks, Kilbeggan releases the first whiskey to be distilled and matured in its distillery since it recommenced distilling in 2007. The Kilbeggan Small Batch Rye (€55) used a mashbill that included 30 per cent rye, apparently once common with Irish distillers, but rare nowadays. Some 2,000 bottles have been earmarked for the Irish market.

Meanwhile, earlier this year, Jameson released Jameson Cold Brew, its take on the classic combination of Irish whiskey and coffee. It is made from a blend of Jameson whiskey and cold-brewed coffee extract from Fairtrade Arabica coffee from Brazil and Columbia. You can drink it solo, but this is mainly aimed at the cocktail market.

April saw the release of Jameson Cask Strength Bow St. 18-Year-Old Irish Whiskey (€240), distilled and aged in Midleton, before being finished in the historic Bow Street Distillery in Dublin.


Not all whiskeys are designed to be sippers in fact, most of them are produced for people who prefer to mix their whiskey with a little soda, or in cocktails. I am pretty sure the Kilbeggan Irish Whiskey falls into this category. Making a whiskey for the masses is not a bad idea, especially when for the most part, I consider myself part of that circle. My plan is to publish this review on the morning of St. Pats. That afternoon will find me enjoying a nice tall Kilbeggan and Soda to celebrate the day.

You may read some of my other Whisky Reviews (click the link) if you wish to have some comparative reviews.


Kilbeggan Has A New Single Pot Still, Out For St. Paddy’s

Kilbeggan Distilling Company continues to revive Irish whiskey history and tradition with the release of Kilbeggan Single Pot Still, a (peculiarly for an Irish) whiskey featuring oats, which were used at Kilbeggan Distillery in the 19th century. Pot Still whiskey is significant, as it is the traditional and distinctive style of Irish whiskey. The limited edition Kilbeggan Single Pot Still Irish whiskey will be available in the United States starting February 2020 with a suggested retail price of $44.99 (750ml).

“This remarkable whiskey is a glorious tribute to the traditional Irish pot still style and the community that kept Ireland’s oldest continually licensed distillery alive over centuries of trial and triumph,” said Michael Egan, U.S. Irish Whiskey Brand Ambassador for Kilbeggan Distilling Company. “It is a truly unique spirit, with a rare mash that has produced a flavor unlike anything available today.”

Featuring a unique mash of malted barley, raw barley and just 2.5 percent oats, the whiskey was inspired by recipes used at Kilbeggan Distillery through the late 1800s. In those times, oats were grown across the Midlands Region of Ireland and were commonly used by distillers like the Locke family at Kilbeggan for filtration purposes. The grain also imparts a unique flavor and creamy texture not typically found in Irish whiskey.

Double distilled in Kilbeggan’s old copper pot stills – one of which is the world’s oldest working whiskey pot still kits today – the new spirit is the second limited release to be 100 percent distilled and matured at Kilbeggan Distillery since its restoration in 2010. Other Kilbeggan releases are either in part or wholly drawn from stock made at the Cooley Distillery. Kilbeggan Single Pot Still Irish Whiskey is best enjoyed neat or on the rocks due to its soft and round character. It follows the release of Kilbeggan Small Batch Rye, another groundbreaking release and the first modern Irish whiskey of record to feature such a high quantity of rye within its mash.


13 of the Best Rye Cocktails to Make Right Now

You Can Now Stay At The ‘Friends’ New York City Apartment For $19.94 Per Night

In California, It’s Good Business: Why Prince Harry And Meghan Markle Won’t Stop Talking About Themselves

Best Beach Vacations: The Outer Banks Is A Perfect Choice For Your Travel Now

OLD FORESTER RYE SAZERAC

“Old Forester Rye makes a perfect base for the classic Sazerac due to its high proof and distinctive tasting notes. The proprietary mashbill, with its generous portion of malted barley (20%), establishes elements of magnolia, anise, and lemon—making for a cohesive landscape to build this classic cocktail upon.” -Jackie Zykan, master taster at Old Forester

Ingredientes:

6 dashes Peychaud’s Bitters

Método: Rinse a chilled old-fashioned glass with the absinthe, add crushed ice, and set it aside. Stir the remaining ingredients over ice and set it aside. Discard the ice and any excess absinthe from the prepared glass, and strain the drink into the glass. Add the lemon peel for garnish.

KILBEGGAN SMALL BATCH RYE OLD FASHIONED

“Kilbeggan Small Batch Rye is made up of malted and unmalted barley as well as thirty percent rye. So its rye content is smaller in comparison to U.S rye whiskeys—and because if this, it allows for the green apple, ginger, and clove notes from the barley to stand up in an Old Fashioned. The soft rye spice is discoverable in every sip and a simple sprig of rosemary makes for the perfect garnish.” -Michael Egan, U.S. Brand Ambassador at Kilbeggan Distilling Co.

Ingredientes:

2 parts Kilbeggan Small Batch Rye Irish Whiskey

2 dashes aromatic bitters

1 bar spoon of simple syrup or cinnamon syrup

Método: Combine ingredients in a mixing glass, add ice, and stir briefly. Serve over a large ice cube and garnish with a sprig of rosemary.

FLIP FLOP

“The Flip Flop is a whole egg cocktail. And it’s always a great cold-weather drink. The egg delivers great texture and depth and gives the bartender the ability to add more decadent ingredients.” -Brendan Bartley, head bartender and beverage director at Bathtub Gin

Ingredientes:

Método: Crack egg into shaker. Add all other ingredients to shaker. Shake all ingredients vigorously. Add ice and repeat shake. Double strain ingredients into a chilled stemmed glass. Grate cinnamon on top.

YE OLDE MANHATTAN

“Our Ye Olde Manhattan is a riff on the world’s most famous whiskey cocktail. We drive a number of classic cocktails, so we wanted to create something similar but unique to us. It is very soft, elegant: a light style of Manhattan. We add our own small embellishments such as Otto’s vermouth, Madeira wine, Frangelico, and a few dashes of sandalwood bitters. It still shows all of the hallmarks of a classic Manhattan, but it is very unique to the townhouse. Madeira is an interesting addition because it has such a long history in the United States, hence the name ‘Ye Olde.’ It was particularly popular in South Carolina as it was one of the first fortified wines to come into the country. I thought it would be nice to pay homage to that because it is an ingredient you don’t see very often in cocktails. It adds an oxidized nuttiness to the finished drink. And Madeira can be found in most high-end wine shops.” -Naren Young, bar director at The Fat Radish Popup at The Orchard Townhouse

Ingredientes:

3 dashes sandalwood bitters

Método: Stir and strain into a rocks glass and garnish with 3 skewered cherries.

APPLE PIE SPRITZ

“The Apple Pie Spritz is a great cocktail. The spicy notes from the Redemption rye mixed with the fresh apple cider create the ultimate mix of flavors topped off with some Josh Cellars prosecco for a little added fizz.” Matt Klette, brand ambassador at Redemption Rye

Ingredientes:

Josh Cellars Prosecco, to top

Método: Add ingredients other than prosecco to flute and lightly stir to mix ingredients. Top with prosecco and garnish with expressed lemon peel.

PINTADAS UNIDAS

“We are deep into sweater weather, where all I want to do is cuddle with a boozy contemplative cocktail. This riff on an Old Fashioned is just that: a perfect nightcap to curl up and think over.” -Ivy Mix, author of Spirits of Latin America e cofounder at Leyenda, New York City

Ingredientes:

1.5 parts El Tesoro añejo tequila

1 colher de chá. macadamia nut orgeat

Maldon smoked sea salt, for garnish

Melted Jacques Torres Midnight Chocolate, for garnish

Método: Stir, pour into a rocks glass that has been painted with Jacques Torres Midnight chocolate with a half rim of maldon smoked sea salt—over a large clear cube.

BRASS KNUCKLE

“This is our take on a Manhattan, featuring a bit of Cynar instead of straight sweet vermouth. For me, the Cynar gives it a depth of flavor that is otherwise missing in a Manhattan. It’s got a bit more spice, a bit more bitterness to balance the sweetness from the vermouth, and the cocktail cherries are a delicious treat after you finish the drink!” -Gavin Humes, food and beverage director at Scratch Restaurants

Ingredientes:

0.5 oz. Carpano Antica Sweet Vermouth

Método: Add all ingredients into a mixing glass with ice. Stir until chilled. Strain into a coupe. Finish with cocktail cherries.

BULLEIT PROOF OLD FASHIONED

“A drink that is as bold as its name would suggest, the Bulleit Proof Old Fashioned bases itself on the Bulleit Rye Whiskey—a spicy rye whiskey. Building upon it are easily available ingredients that serve to enhance the drink and turn it into something incredible. An apple-infused syrup grants some sweetness and freshness a (muddled) sliced orange adds a citrus flavor and black walnut bitters grant the drink a more grounded, nutty profile—to stabilize everything into a masterpiece that is smooth and bears a notable smokiness at the end.” -Donny Largotta, beverage director at The Chester at The Gansevoort Hotel (Meatpacking)

Ingredientes:

2 dashes black walnut bitters

Rosemary sprig, for garnish

Maraschino cherries, for garnish

Método: Stirred and strain over 1 large ice cube in a rocks glass. Garnished with a skewer of maraschino cherries, apple slice, and rosemary sprigs.

BOOTLEGGER’S WARD 8

“This recipe was born out of the Prohibition and the original recipe calls for Grenadine. (But to give it our own twist, we use pomegranate molasses.) Then, add the fresh orange juice, simple syrup, and some fresh lime juice. As a base ingredient, we use the Templeton Rye 4 Year, which was charred in American oak barrels and gives it a good flavor. Shake it up and serve!” -Goran Remes, former bartender at Rye House, New York City

Ingredientes:

Bar spoon Pomegranate Molasses

Método: Shake and strain into a coupe. Garnish with a brandy cherry.

EIGHT O’CLOCK HOWELL

“Last April, every night at 8:00 p.m, the howling would begin. It was a way for Denver residents to honor our healthcare workers during the early stages of the Covid-19 pandemic. The 8:00-hour was the scheduled shift change at most Denver-area hospitals and this was Denver’s way to recognize and thank them. So, we made the Eight O’Clock Howell simple to make for all the new home bartenders that were creating cocktails during lockdown. Just four easy-to-find ingredients and standard cocktail-making equipment. The howling in Denver stopped a while ago, but we’re still drinking this. Turns out, this cocktail works great this season too! The grain-forward flavors of our San Luis Valley Rye shine in this simple but bold cocktail.” -Steve Kurowski, marketing director at Laws Whiskey House

Ingredientes:

0.25 oz. Dolin sweet vermouth

Maraschino cherry, for garnish

Método: Mix all ingredients in a mixing glass filled with ice. Stir and strain into a coupe or martini glass. Garnish with maraschino cherry.

COLD FASHIONED

“I love to add Mr. Black to classic cocktails because it provides depth and delivers a great coffee twist to your cocktail creation. One of my favorite examples is the Cold Fashioned: Instead of the regular recipe where you use sugar, try using Mr. Black with your favorite rye whiskey—and you have an old fashioned with a kick, the perfect drink for the season.” -Martin Hudak, global coffee ambassador at Mr Black

Ingredientes:

1 oz. Mr. Black Cold Brew Coffee Liqueur

Método: Stir and serve on the rocks. Garnish with orange slice or peel.

MANHATTAN IN FALL

“The Manhattan In Fall is a bit less whiskey forward compared to the original Manhattan recipe. Amaro brings a very herbal and earthy tone to the cocktail—and its dark color gives the cocktail a unique hue.” -Juan Fernandez, beverage director at The Ballantyne, A Luxury Collection Hotel, Charlotte, NC

Ingredientes:

1 drop Crude Sycophant orange and fig bitters

Método: Combine all ingredients in a mixing glass with ice, stir, strain into martini or coupe glass. Garnish with a brandied cherry.

SHADOW & LIGHT

“It is a wonderful time for warm spices, orchard fruit, and smooth whiskey. As a pioneer in the early days of film, the director Dorothy Arzner knew all about the inseparable connection between light and darkness, as well as the emotional impact it had on the audience. Her namesake rye, from Francis Ford Coppola’s line of ‘Great Women Spirits,’ forms the foundation of this nuanced cocktail, which cools the body with apple cider and lemon, while it warms the soul with amaro and chai tea syrup.” -Mark Tubridy, bartender at The 21 Club and cocktail consultant/educator

Ingredientes:

*Chai Tea Syrup: Bring 1 cup of water to a rolling boil. Remove from heat, add 4 Chai tea bags (or loose-leaf Chai), and steep for 5 minutes. Remove the bags (or strain out the leaves) and pour tea into a saucepan over low-medium heat. Stir in 1 cup of sugar until it dissolves completely and then remove syrup from heat and let cool before bottling and refrigerating. (Yields 1.5 cups.)

Método: Combine all ingredients in a mixing tin add ice, shake vigorously, and strain into a highball glass over fresh ice. Garnish with star anise and three fanned apple slices.


Assista o vídeo: Cata y reseña KILBEGGAN Traditional IRISH WHISKEY whiskey irlandés. Tito Whisky (Dezembro 2021).