Tambor

Lavamos o fígado, os rins, as orelhas, a língua e o rato para que não haja sangue neles. Fervemo-los juntos com pedaços de carne, sal, pimenta e folhas de louro.

Deixe ferver, mas o fígado ferve mais rápido, por isso tiramos antes dos outros para que não se esfarele na panela.

Depois de fervidos e deixe esfriar o resto. Quando esfriarem, corte-os em tiras e tempere com sal, pimenta e alho amassado. Nós os misturamos e depois adicionamos o suco em que fervem o suficiente para ligar tudo.

Limpamos o estômago e lavamos bem e depois o enchemos com a composição feita anteriormente. Eu tinha costurado bem para que não se desfizesse na fervura e a gente fervia na água em que a carne foi fervida.

Deixe ferver por cerca de uma hora, mas pique de vez em quando com uma agulha ou um palito enquanto estiver fervendo.

Depois da fervura, leve o tambor à picadora e deixe esfriar por 10 minutos, depois coloque outra picadora e um peso sobre ela, deixamos assim por pelo menos uma hora.


Receita tradicional de tambor de porco ->

Pimenta preta Ver mais Comprar Pimenta preta Ver mais Comprar Pimenta preta Nossa oferta Veja mais Pimenta preta 100 g Ver mais Comprar Folhas de louro Nossa oferta Veja mais Tempero de tambor

Receita tradicional de tambor caseiro com explicações

Receita tradicional de tambor caseiro como mãe e avó o melhor tambor de porco iguarias romenos pratos tradicionais de Natal como fazer salsichas de tambor de porco preparadas em casa receitas de porco caseiro com órgãos de porco receita de aperitivo

CUIDADOSO! CONTEÚDO ORIGINAL, PROTEGIDO POR DIREITOS AUTORAIS DE ACORDO COM A LEI 8/1996. NÃO COPIE AS IMAGENS E NÃO REPRODUZA O TEXTO EM SITES, BLOGS OU REDES SOCIAIS. NÃO USE O CONTEÚDO PARA FINS COMERCIAIS.

Se quiser compartilhar a receita nas redes sociais ou e-mail, envie o link ou use com segurança os botões de compartilhamento do FB, Twitter e Pinterest. Obrigada .


Receita tradicional de tambor de porco ->

Pimenta preta Ver mais Comprar Pimenta preta Ver mais Comprar Pimenta preta Nossa oferta Veja mais Pimenta preta 100 g Ver mais Comprar Folhas de louro Nossa oferta Veja mais Tempero de tambor

VÍDEO Tambor sérvio, leproso e babuíno, entre os produtos mais procurados nos talhos de Buzau

Devido à pandemia, os açougueiros também incluíram este ano o serviço de entrega em domicílio.

Constantin Frusinoiu de Buzau é dono de um talho com produtos tradicionais na comuna de Mărăcineni, onde fabrica uma vasta gama de produtos fumados específicos para a região.

Os enchidos Plescoi são preparados segundo antigas receitas sérvias aqui estabelecidas, a partir de carnes trazidas dos criadores locais.

Os enchidos caseiros, à base de porco e boi, à base de carne picada no talho, também têm grande procura.

Eles ficam secos por pelo menos três dias em salas com ventiladores fortes, depois são mantidos da mesma forma nas salas de fumantes.

O Babicul preparado há 50 anos está em grande demanda, principalmente entre os clientes em trânsito.

Antigamente, as grades eram mantidas no beiral da casa, ao vento.

Agora, a ventilação é feita com resistentes aquecedores de ar.

O produtor de Buzau espera um aumento nas vendas de pelo menos 30 por cento durante as férias.

Com isso, aumentará a produção de tambores, alho-poró, linguiça e pastrami, produtos mais demandados.

Tanto o produtor de enchidos tradicionais de Mărăcineni como os outros da zona de Pleşcoi venderão no próximo período, tanto no seu próprio ponto de venda como por entrega ao domicílio.

Eles prometem não aumentar os preços, se o custo das matérias-primas congelar.


Receita tradicional de tambor caseiro com explicações

Receita tradicional de tambor caseiro como mãe e avó o melhor tambor de porco iguarias romenos pratos tradicionais de Natal como fazer salsichas de tambor de porco preparadas em casa receitas de porco caseiro com órgãos de porco receita de aperitivo

CUIDADOSO! CONTEÚDO ORIGINAL, PROTEGIDO POR DIREITOS AUTORAIS DE ACORDO COM A LEI 8/1996. NÃO COPIE AS IMAGENS E NÃO REPRODUZA O TEXTO EM SITES, BLOGS OU REDES SOCIAIS. NÃO USE O CONTEÚDO PARA FINS COMERCIAIS.

Se quiser compartilhar a receita nas redes sociais ou e-mail, envie o link ou use com segurança os botões de compartilhamento do FB, Twitter e Pinterest. Obrigada .


Receita tradicional de tambor de porco ->

Pimenta preta Ver mais Comprar Pimenta preta Ver mais Comprar Pimenta preta Nossa oferta Veja mais Pimenta preta 100 g Ver mais Comprar Folhas de louro Nossa oferta Veja mais Tempero de tambor

Ingrediente Sangerete, Caltabosi e Toba:

  • cabeça de porco (você pode ficar com as orelhas para almôndegas) com focinho e língua, sem cérebro
  • casca
  • órgãos: pulmões, fígado, coração, baço, rins, pulmões
  • para sangrar, além disso: bacon macio (como o do bócio)
  • sangue fresco coletado do porco
  • opcional, para caltabos: 2 cebolas raladas em um ralador, endurecidas em 1 colher de sopa de banha de porco até formarem uma pasta, sem dourar nada
  • sal, pimenta, alho
  • à escolha, pimenta da Jamaica ou coentro moído, noz-moscada
  • esteiras de porco mais largas e bem limpas (ou compradas) ou membranas artificiais para açougue

Preparação de Bleeding, Caltabosi e Drum & # 8211 ebulição

Com todo pesar para os mais sensíveis, se quiserem fazer sangue, que, na minha opinião, é o preparo mais saboroso, tudo começa com a coleta de sangue na hora do abate, pegando em um vaso o jato de sangue que derrama quando o porco é esfaqueado.

Neste sangue é adicionado sal grosso (cerca de 3 colheres de sopa) e misture rápida e insistentemente, por muito tempo, em uma direção. O sangue que esfria até a temperatura ambiente é guardado na cozinha, para evitar a formação de coágulos, e será usado imediatamente. No entanto, se coagular acidentalmente, o sangue pode ser filtrado pela peneira.

Depois de aparar e lavar o porco, ele é cortado. A cabeça também é cortada, dividindo-se em dois ou mais pedaços. Preparam-se grandes caldeiras com água fervida, nas quais se fervem a cabeça, os rins, o tecido, os pulmões, o coração, o baço, a língua, os ratos e um pedaço de toucinho para o sangue, sem adição de sal. Como se pode ver, outros moradores da casa também parecem muito interessados ​​no conteúdo fumegante da caldeira, acho que o gato quase tomaria banho na caldeira, se não fosse desencorajado por uma temperatura muito alta.

Deixe ferver até a carne cair da cabeça do porco e no final do cozimento adicione o fígado. Só ferve até ficar rosa no meio. Caso contrário, o fígado endurece, torna-se cinzento e arenoso e vai dar uma textura desagradável aos pratos. Depois de cozidos, retire os órgãos e a carne com uma peneira e deixe esfriar.

Preparação e tempero de chouriço, caltabosi e tambores

Desossar a carne e escolher cuidadosamente os ossos.

O coração, a língua, um pouco de carne da cabeça e alguns ratos são colocados em uma tigela separada para o tambor.

Se o baço for usado, ele é reservado, será usado estritamente para o preparo do chouriço, se for misturado na composição para caltabos irá escurecê-lo.

O toucinho macio é cortado em cubinhos (0,5-0,8 cm) e guardado (também para a sangria).

Comece a picar a carne e os órgãos cozidos com o baço, que passam pela máquina e coletam em uma tigela separada. O resto dos órgãos, a carne e os camundongos são triturados conforme desejado, maiores ou menores. Moemos bem finamente, para uma consistência mais fina dos pratos (é assim que gostamos).

Na picada para caltabos, acrescente a sopa da caldeira, aos poucos, mexendo até obter uma pasta fluida (ao esfriar vai gelatinizar e endurecer).

À parte, misture o sangue conservado com o baço moído, o bacon picado e a pasta de caltabos até obter uma massa pastosa que se dilui com a sopa da caldeira.

Tempere ambas as composições com sal, pimenta e alho a gosto (coloquei 18 gramas de sal, 10 gramas de pimenta moída e 30 gramas de alho / quilo de composição). Lembre-se de que o sangue adicionado ao sangramento já contém sal. Dependendo do sabor, pode-se adicionar à composição do caltabos cebola picadinha, endurecida na banha de porco, até virar uma pasta (gosto muito) e outras especiarias: pimenta da Jamaica, coentro moído ou noz-moscada. O melhor é provar a composição e combinar o salgado / apimentado / temperado de acordo com a preferência de cada pessoa.

Encha as esteiras de porco bem lavadas (para não ter odor) ou as esteiras compradas que foram mantidas em água morna para reidratar com essas composições e amarre nas pontas com um barbante, a seguir junte em forma de círculo. Ferva os caltabos e o chouriço por cerca de 30-40 minutos na sopa em que ferveram os órgãos, em fogo baixo. Remova com cuidado para uma superfície plana e deixe esfriar completamente.

Tambor preenche o estômago do porco ou, no caso mais infeliz, a membrana artificial. Corte a carne da cabeça, tiras de camundongo, língua e coração em pedaços adequados. Adicione sopa suficiente da caldeira para cobri-los e tempere com sal, pimenta, alho picado, pimenta da Jamaica ou coentro (a gosto). Misture bem e encha o estômago do porco. É amarrado com barbante e fervido na sopa em que foram fervidos os órgãos, em fogo muito baixo (sem ferver). Ferva por cerca de uma hora e depois esfrie sobre uma superfície plana. Se a membrana artificial for usada, o tambor não ferverá, ele simplesmente será deixado esfriar em uma superfície plana.

A degustação é o momento mais agradável, claro:

Cuidado: nenhuma dessas preparações pode ser armazenada por muito tempo. São muito saborosos, mas apenas desde que sejam frescos, pelo que é aconselhável não fazer grandes quantidades e consumir rapidamente. Ao fumar, você pode estender a vida útil dessas salsichas um pouco, mas não muito. O nosso hábito é oferecer o maior número possível destes pratos, para que todos os amigos íntimos e toda a família os possam saborear.


Tambor doméstico

Ingrediente: órgãos de porco (rins, pulmões, baço, coração, fígado), orelhas e língua, músculos, 250 g de bacon, carne do pescoço, duas pernas, sal, pimenta em grão, uma folha de louro, vinagre de estômago de porco limpo e branqueado.

Método de preparação

Lave os pés e as orelhas e fale bem. O rato é raspado com uma faca e lavado novamente. Em uma panela grande, leve para ferver e depois que a espuma foi tirada duas vezes, adicione sal e pimenta e continue a ferver. Quando a carne estiver macia, acrescente o fígado, a língua, a carne com osso, o músculo e a língua, fervidos antes em outra água. Essa água é jogada fora. Quando eles saem do osso, eles estão cozidos o suficiente.

O suco em que foram fervidos é deixado esfriar. Corte os ingredientes cozidos em cubos adequadamente grandes, misture com o bacon fatiado. Adicione sal e temperos a gosto. Quando ferver, acrescente a folha de louro. Além disso, se você adicionar uma taça de vinho, ela terá um sabor especial.

O estômago é bem limpo, rapado com facilidade, sem parti-lo e lavado em várias águas frias. Se você esfregar seu estômago com amido de milho, ele limpará ainda melhor. Após este procedimento, o estômago será bem enxaguado.

Na mistura de carnes preparadas acrescente um copo de suco em que fervem os ingredientes e que põe para esfriar. Tem a função de amarrar a carne. Agora você pode encher seu estômago com carne de porco. Amarre bem a ponta do estômago onde o encheu e coloque para ferver, em fogo baixo, em água quente ou na que sobrou. Deixe esfriar no suco em que ferveu.

Depois de esfriar bem, coloque-o entre duas tábuas sobre as quais você colocou um peso para que o tambor tome forma. Sirva no dia seguinte.


Tambor doméstico

Ingrediente: órgãos de porco (rins, pulmões, baço, coração, fígado), orelhas e língua, músculos, 250 g de bacon, carne do pescoço, duas pernas, sal, pimenta em grão, uma folha de louro, vinagre de estômago de porco limpo e branqueado.

Método de preparação

Lave os pés e as orelhas e fale bem. O rato é raspado com uma faca e lavado novamente. Em uma panela grande, leve para ferver e após a espuma ter sido tirada duas vezes, adicione sal e pimenta e continue a ferver. Quando a carne estiver macia, acrescente o fígado, a língua, a carne com osso, o músculo e a língua, fervidos antes em outra água. Essa água é jogada fora. Quando eles saem do osso, eles estão cozidos o suficiente.

O suco em que foram fervidos é deixado esfriar. Corte os ingredientes cozidos em cubos adequadamente grandes, misture com o bacon fatiado. Adicione sal e temperos a gosto. Quando ferver, acrescente a folha de louro. Além disso, se você adicionar uma taça de vinho, ela terá um sabor especial.

O estômago é bem limpo, rapado com facilidade, sem quebrá-lo e lavado em várias águas frias. Se você esfregar seu estômago com amido de milho, ele limpará ainda melhor. Após este procedimento, o estômago será bem enxaguado.

Na mistura de carnes preparadas acrescente um copo de suco em que fervem os ingredientes e que põe para esfriar. Tem a função de amarrar a carne. Agora você pode encher seu estômago com carne de porco. Amarre bem a ponta do estômago onde o preencheu e coloque para ferver, em fogo baixo, em água quente ou na que sobrou. Deixe esfriar no suco em que ferveu.

Depois de esfriar bem, coloque-o entre duas tábuas sobre as quais você colocou um peso para que o tambor tome forma. Sirva no dia seguinte.


O tradicional tambor de porco não deve faltar na sua mesa de Natal! Faça de acordo com os passos abaixo e você verá que sairá muito melhor do que o resultado da troca!

1. A carne com casca é assada, limpa e lavada com água morna. Os órgãos são lavados e deixados em água fria por meia hora. Ferva a língua separadamente por 10 minutos e limpe.

2. Coloque toda a carne em uma panela com água fria e leve para ferver. Troque a água e deixe ferver novamente. Espuma, adicione cebola, cenoura, sal e temperos e cozinhe tapado até que a carne se solte ligeiramente dos ossos.

3. Retire a carne e deixe esfriar um pouco, a sopa fica com o gosto e fica em conserva. Toda a carne cozida é cortada em tiras. Coloque em uma tigela maior, adicione uma pitada de sopa e tempere com sal e pimenta. Mexa, coloque na barriga de porco, pique um pouco mais de sopa e costure levemente.

4. Leve ao fogo em uma tigela maior onde foi despejado o resto da sopa em que a carne foi fervida. Deixe o fogo baixo e cozinhe por cerca de uma hora, sem ferver, e pique de um lugar para outro. Em seguida, é retirado e prensado entre dois picadores de madeira, sobre os quais é colocado um peso máximo de 1 kg. Deixe esfriar até o dia seguinte.

Você pode encontrar outras receitas tradicionais de Natal aqui.


Vídeo: PODEROSA AAINJALA - 150 TAMBORES (Outubro 2021).