Receitas tradicionais

RIP Joe Gracey, lenda da música do Texas e cozinheiro e comedor apaixonado

RIP Joe Gracey, lenda da música do Texas e cozinheiro e comedor apaixonado

Joe Gracey foi possivelmente o escritor de culinária mais apaixonado e original de quem você nunca ouviu falar. Isso é justo, porque ele não era realmente um escritor de alimentos - ele era músico e produtor musical de profissão. Mas ele também era um cara que não se importava em dirigir duas horas para seu churrasco favorito, fazer sua própria salsicha e uma vez passar três dias com sua esposa provando boudin por todo o país Cajun - uma aventura que ele narrou em Letter from Graceyland, um blog que ele começou em meados de 2007, que ele descreveu como "Reflexões sobre comida, culinária, viagens, música e vida própria de Joe Gracey, Jr., produtor musical, escritor de comida e viagens, sobrevivente do câncer, colaborador frequente da revista Saveur, músico, gourmand e bon vivant sem fronteiras. "

Nascida em Fort Worth, Texas, em 1950, Gracey (à esquerda, com o traje de Day of the Dead para uma peça) cresceu e se tornou uma figura importante na animada e diversa cena musical do Texas. Ele tocou em uma banda de garagem quando criança e continuou tocando musicalmente, intermitentemente, pelo resto de sua vida (o baixo era seu instrumento principal). Mas seu impacto veio em outras áreas: como um DJ popular de voz profunda no KOKE-FM de Austin (nome muito apropriado para aquela época) e o colunista de rock do Austin American-Statesman, ele foi um dos primeiros campeões da música "country fora da lei" e ajudou a borrar a linha entre o country e o rock (dizem que ele foi o primeiro DJ a tocar seu amigo Willie Nelson em uma rádio de rock). Como coordenador de talentos para a primeira temporada de Limites da cidade de Austin em 1976, ele reuniu Bob Wills 'Texas Playboys, reuniu Ry Cooder e o grande acordeonista de Tejano Flaco Jimenez e marcou a estreia na TV de artistas como Clifton Chenier, Townes Van Zandt e Asleep at the Wheel. (The American-Statesmen mais tarde descreveria Gracey como "uma figura seminal no desenvolvimento da eclética cena musical de Austin.") (Foto cortesia de Bob Sherman)

Gracey, cuja assinatura de rádio foi: "Beba muita água, não se mexa e venha quando puder", escreveu muito mais tarde em seu blog que, naqueles anos, "Austin estava se deleitando com seu novo ar de modernidade - nós eleito um prefeito hippie, nós mergulhamos em Barton Springs e Lake Travis, a boa erva mexicana era barata e a cerveja Pearl and Shiner and Lone Star estava gelada. Sir Doug Sahm chamou Austin de "Paraíso de Groover", e era. uma época inebriante para viver aqui e eu estava aproveitando o ritmo o mais forte que pude. "

A viagem teve um desvio dramático para Gracey em 1978, quando ele soube que uma protuberância que notou na língua e negligenciou era maligna. Ele passou por uma série de operações e tratamentos de radiação e saiu curado - mas sem língua ou laringe. Ele relembrou em seu blog que em uma ocasião, ele estava andando com grandes quadrados vermelhos em suas mandíbulas para orientar o posicionamento das máquinas de radiação, e "quando Stevie Ray Vaughn e Bobby Earl Smith [outro músico do Texas] me viram, eles foram no andar de cima no Rome Inn e ganhou marcadores vermelhos e desenhou grandes caixas vermelhas em seus rostos em solidariedade a mim depois que algum idiota no bar zombou de mim. "


RIP Joe Gracey, lenda da música do Texas e cozinheiro e comedor apaixonado - receitas

Lembre-se de alguns anos atrás, quando o proprietário de uma empresa de processamento de pagamentos com cartão de crédito com sede em Seattle aumentou o salário mínimo de seus funcionários para US $ 70.000 / ano, enquanto recebia uma enorme redução de pagamento para ele e para os capitalistas de todo o mundo, com medo de seu amado e aparentemente suuuuper sistema delicado em colapso de tal loucura, pirado? 1 A BBC recentemente entrou em contato com a Gravity Payments e seu proprietário Dan Price para ver como as coisas estavam indo. Muito bem, como se constatou:

O quadro de funcionários dobrou e o valor dos pagamentos processados ​​pela empresa passou de US $ 3,8 bilhões por ano para US $ 10,2 bilhões.

Mas há outras métricas das quais Price se orgulha mais.

“Antes do salário mínimo de US $ 70.000, tínhamos entre zero e dois bebês nascidos por ano na equipe”, diz ele.

& ldquoE desde o anúncio & mdash e ele & rsquos durou apenas cerca de quatro anos e meio & mdash, nós & rsquove tivemos mais de 40 bebês. & rdquo

Mais de 10% da empresa conseguiu comprar casa própria, em uma das cidades mais caras dos Estados Unidos para locatários. Antes, o valor era inferior a 1%.

& ldquoHavia um pouco de preocupação entre os pontificadores de que as pessoas desperdiçariam quaisquer ganhos que tivessem. E nós realmente vimos o oposto ”, diz Price.

A quantidade de dinheiro que os funcionários estão voluntariamente colocando em seus próprios fundos de pensão mais do que dobrou e 70% dos funcionários afirmam que pagaram dívidas.

Quando Price fez o anúncio sobre o aumento de salários, dois funcionários seniores pediram demissão porque pensaram que os funcionários juniores ficariam preguiçosos e a empresa sofreria. Alerta de Spolier: não aconteceu.

Rosita Barlow, diretora de vendas da Gravity, diz que, desde que os salários aumentaram, os colegas juniores estão ganhando mais peso.

“Quando o dinheiro não está em primeiro plano em sua mente quando você precisa fazer seu trabalho, ele permite que você seja mais apaixonado pelo que o motiva”, diz ela.

A equipe sênior percebeu que sua carga de trabalho foi reduzida. Eles saem sob menor pressão e podem fazer coisas como tirar todas as férias a que têm direito.

O problema do aumento do número de bebês é espantoso. Parte disso tem que ser demográfica (funcionários ficando mais velhos e entrando nos primeiros anos de vida familiar), mas ter um bebê nos Estados Unidos é caro e isso tem que levar em conta a decisão de muitas pessoas sobre ter um filho, especialmente se for por um segundo criança ou se você tiver um pai solteiro.

Mas a observação mais interessante é esta de Price equiparando a liberdade de seus funcionários à sua capacidade:

& ldquoVimos, todos os dias, os efeitos de dar liberdade a alguém & rdquo Price.

Ele acha que é por isso que a Gravidade está ganhando mais dinheiro do que nunca.

O aumento dos salários não mudou a motivação das pessoas & mdash, ele diz que os funcionários já estavam motivados para trabalhar duro & mdash, mas aumentou o que ele chama de capacidade.

Os funcionários que se preocupam menos com dívidas, saúde ou de onde virá sua próxima refeição são funcionários mais felizes e produtivos. Imagine isso.

Atualizar: Embora o que ele fez ao aumentar os salários dos funcionários de sua empresa seja louvável, o próprio Price talvez não seja o modelo corporativo que o artigo da BBC o faz parecer. De um artigo de 2016 sobre Price in Esquire:

Em uma palestra TEDx no outono passado, a ex-mulher de Price & rsquos, Kristie, alegou que uma vez ele & ldquogot ficou com raiva de mim por ignorá-lo e me agarrou e me sacudiu & hellip Ele também me jogou no chão e subiu em cima de mim. Ele começou a me socar no estômago e me dar um tapa na cara. & Rdquo (O vídeo da palestra nunca foi divulgado, mas a Bloomberg Businessweek citou em uma matéria sobre Price em dezembro.) A ação movida por Lucas Price, seu sócio e irmão, não tinha relação com as alegações de Kristie. Lucas estava pedindo US $ 26 milhões porque, essencialmente, Dan tinha sido um idiota em seus negócios.

O resto da peça corrobora que Price é na verdade um idiota que aumentou os salários de seus funcionários parcialmente porque foi uma boa jogada de relações públicas. (via @adrianhon)

Você notou que quando os capitalistas radicais falam sobre planos para aumentar os impostos corporativos ou reinstituir um esquema de imposto de renda mais progressivo ou regular os negócios, eles parecem ter um medo mortal de que essas mudanças possam descarrilar completamente o capitalismo na América, como se o capitalismo fosse este super coisa fraca em vez de uma das invenções mais poderosamente imparáveis ​​que os humanos já criaram? Seu grande motor de mudança é realmente poderoso! Tenha um pouco de confiança em suas crenças, cara! & # 8617


RIP Joe Gracey, lenda da música do Texas e cozinheiro e comedor apaixonado - receitas

Lembre-se de alguns anos atrás, quando o proprietário de uma empresa de processamento de pagamentos com cartão de crédito com sede em Seattle aumentou o salário mínimo de seus funcionários para US $ 70.000 / ano, enquanto recebia uma enorme redução de pagamento para ele e para os capitalistas de todo o mundo, com medo de seu amado e aparentemente suuuuper sistema delicado em colapso de tal loucura, pirado? 1 A BBC recentemente entrou em contato com a Gravity Payments e seu proprietário Dan Price para ver como as coisas estavam indo. Muito bem, como se constatou:

O quadro de funcionários dobrou e o valor dos pagamentos processados ​​pela empresa passou de US $ 3,8 bilhões por ano para US $ 10,2 bilhões.

Mas há outras métricas das quais Price se orgulha mais.

“Antes do salário mínimo de US $ 70.000, tínhamos entre zero e dois bebês nascidos por ano na equipe”, diz ele.

& ldquoE desde o anúncio & mdash e ele & rsquos durou apenas cerca de quatro anos e meio & mdash, nós & rsquove tivemos mais de 40 bebês. & rdquo

Mais de 10% da empresa conseguiu comprar casa própria, em uma das cidades mais caras dos Estados Unidos para locatários. Antes, o valor era inferior a 1%.

& ldquoHavia um pouco de preocupação entre os pontificadores de que as pessoas desperdiçariam quaisquer ganhos que tivessem. E nós realmente vimos o oposto ”, diz Price.

A quantidade de dinheiro que os funcionários estão voluntariamente colocando em seus próprios fundos de pensão mais do que dobrou e 70% dos funcionários afirmam que pagaram dívidas.

Quando Price fez o anúncio sobre o aumento de salários, dois funcionários seniores pediram demissão porque pensaram que os funcionários juniores ficariam preguiçosos e a empresa sofreria. Alerta de Spolier: não aconteceu.

Rosita Barlow, diretora de vendas da Gravity, diz que, desde que os salários aumentaram, os colegas juniores estão ganhando mais peso.

“Quando o dinheiro não está em primeiro plano em sua mente quando você precisa fazer seu trabalho, ele permite que você seja mais apaixonado pelo que o motiva”, diz ela.

A equipe sênior percebeu que sua carga de trabalho foi reduzida. Eles saem sob menor pressão e podem fazer coisas como tirar todas as férias a que têm direito.

O problema do aumento do número de bebês é espantoso. Parte disso tem que ser demográfica (funcionários ficando mais velhos e entrando nos primeiros anos de vida familiar), mas ter um bebê nos Estados Unidos é caro e isso tem que levar em conta a decisão de muitas pessoas sobre ter um filho, especialmente se for por um segundo criança ou se você tiver um pai solteiro.

Mas a observação mais interessante é esta de Price equiparando a liberdade de seus funcionários à sua capacidade:

& ldquoVimos, todos os dias, os efeitos de dar liberdade a alguém & rdquo Price.

Ele acha que é por isso que a Gravidade está ganhando mais dinheiro do que nunca.

O aumento dos salários não mudou a motivação das pessoas & mdash, ele diz que os funcionários já estavam motivados para trabalhar duro & mdash, mas aumentou o que ele chama de capacidade.

Os funcionários que se preocupam menos com dívidas, saúde ou de onde virá sua próxima refeição são funcionários mais felizes e produtivos. Imagine isso.

Atualizar: Embora o que ele fez ao aumentar os salários dos funcionários de sua empresa seja louvável, o próprio Price talvez não seja o modelo corporativo que o artigo da BBC o faz parecer. De um artigo de 2016 sobre Price in Esquire:

Em uma palestra TEDx no outono passado, a ex-mulher de Price & rsquos, Kristie, alegou que uma vez ele & ldquogot ficou com raiva de mim por ignorá-lo e me agarrou e me sacudiu & hellip Ele também me jogou no chão e subiu em cima de mim. Ele começou a me socar no estômago e me dar um tapa na cara. & Rdquo (O vídeo da palestra nunca foi divulgado, mas a Bloomberg Businessweek citou em uma matéria sobre Price em dezembro.) A ação movida por Lucas Price, seu sócio e irmão, não tinha relação com as alegações de Kristie. Lucas estava pedindo US $ 26 milhões porque, essencialmente, Dan tinha sido um idiota em seus negócios.

O resto da peça corrobora que Price é na verdade um idiota que aumentou os salários de seus funcionários parcialmente porque foi uma boa jogada de relações públicas. (via @adrianhon)

Você notou que quando os capitalistas radicais falam sobre planos para aumentar os impostos corporativos ou reinstituir um esquema de imposto de renda mais progressivo ou regular os negócios, eles parecem ter um medo mortal de que essas mudanças possam descarrilar completamente o capitalismo na América, como se o capitalismo fosse este super coisa fraca em vez de uma das invenções mais poderosamente imparáveis ​​que os humanos já criaram? Seu grande motor de mudança é realmente poderoso! Tenha um pouco de confiança em suas crenças, cara! & # 8617


RIP Joe Gracey, lenda da música do Texas e cozinheiro e comedor apaixonado - receitas

Lembre-se de alguns anos atrás, quando o proprietário de uma empresa de processamento de pagamentos com cartão de crédito com sede em Seattle aumentou o salário mínimo de seus funcionários para US $ 70.000 / ano, enquanto recebia uma enorme redução de pagamento para ele e para os capitalistas de todo o mundo, com medo de seu amado e aparentemente suuuuper sistema delicado em colapso de tal loucura, pirado? 1 A BBC recentemente entrou em contato com a Gravity Payments e seu proprietário Dan Price para ver como as coisas estavam indo. Muito bem, como se constatou:

O quadro de funcionários dobrou e o valor dos pagamentos processados ​​pela empresa passou de US $ 3,8 bilhões por ano para US $ 10,2 bilhões.

Mas há outras métricas das quais Price se orgulha mais.

“Antes do salário mínimo de US $ 70.000, tínhamos entre zero e dois bebês nascidos por ano na equipe”, diz ele.

& ldquoE desde o anúncio & mdash e ele & rsquos durou apenas cerca de quatro anos e meio & mdash, nós & rsquove tivemos mais de 40 bebês. & rdquo

Mais de 10% da empresa conseguiu comprar casa própria, em uma das cidades mais caras dos Estados Unidos para locatários. Antes, o valor era inferior a 1%.

& ldquoHavia um pouco de preocupação entre os pontificadores de que as pessoas desperdiçariam quaisquer ganhos que tivessem. E nós realmente vimos o oposto ”, diz Price.

A quantidade de dinheiro que os funcionários estão voluntariamente colocando em seus próprios fundos de pensão mais do que dobrou e 70% dos funcionários afirmam que pagaram dívidas.

Quando Price fez o anúncio sobre o aumento de salários, dois funcionários seniores pediram demissão porque pensaram que os funcionários juniores ficariam preguiçosos e a empresa sofreria. Alerta de Spolier: não aconteceu.

Rosita Barlow, diretora de vendas da Gravity, diz que, desde que os salários aumentaram, os colegas juniores estão ganhando mais peso.

“Quando o dinheiro não está em primeiro plano em sua mente quando você precisa fazer seu trabalho, ele permite que você seja mais apaixonado pelo que o motiva”, diz ela.

A equipe sênior percebeu que sua carga de trabalho foi reduzida. Eles saem sob menor pressão e podem fazer coisas como tirar todas as férias a que têm direito.

O problema do aumento do número de bebês é espantoso. Parte disso tem que ser demográfica (funcionários ficando mais velhos e entrando nos primeiros anos de vida familiar), mas ter um bebê nos Estados Unidos é caro e isso tem que levar em conta a decisão de muitas pessoas sobre ter um filho, especialmente se for por um segundo criança ou se você tiver um pai solteiro.

Mas a observação mais interessante é esta de Price equiparando a liberdade de seus funcionários à sua capacidade:

& ldquoVimos, todos os dias, os efeitos de dar liberdade a alguém & rdquo Price.

Ele acha que é por isso que a Gravidade está ganhando mais dinheiro do que nunca.

O aumento dos salários não mudou a motivação das pessoas & mdash, ele diz que os funcionários já estavam motivados para trabalhar duro & mdash, mas aumentou o que ele chama de capacidade.

Os funcionários que se preocupam menos com dívidas, saúde ou de onde virá sua próxima refeição são funcionários mais felizes e produtivos. Imagine isso.

Atualizar: Embora o que ele fez ao aumentar os salários dos funcionários de sua empresa seja louvável, o próprio Price talvez não seja o modelo corporativo que o artigo da BBC o faz parecer. De um artigo de 2016 sobre Price in Esquire:

Em uma palestra TEDx no outono passado, a ex-mulher de Price & rsquos, Kristie, alegou que uma vez ele & ldquogot ficou com raiva de mim por ignorá-lo e me agarrou e me sacudiu & hellip Ele também me jogou no chão e subiu em cima de mim. Ele começou a me socar no estômago e me dar um tapa na cara. & Rdquo (O vídeo da palestra nunca foi divulgado, mas a Bloomberg Businessweek citou em uma matéria sobre Price em dezembro.) A ação movida por Lucas Price, seu sócio e irmão, não tinha relação com as alegações de Kristie. Lucas estava pedindo US $ 26 milhões porque, essencialmente, Dan tinha sido um idiota em seus negócios.

O resto da peça corrobora que Price é na verdade um idiota que aumentou os salários de seus funcionários parcialmente porque foi uma boa jogada de relações públicas. (via @adrianhon)

Você notou que quando os capitalistas radicais falam sobre planos para aumentar os impostos corporativos ou reinstituir um esquema de imposto de renda mais progressivo ou regular os negócios, eles parecem ter um medo mortal de que essas mudanças possam descarrilar completamente o capitalismo na América, como se o capitalismo fosse este super coisa fraca em vez de uma das invenções mais poderosamente imparáveis ​​que os humanos já criaram? Seu grande motor de mudança é realmente poderoso! Tenha um pouco de confiança em suas crenças, cara! & # 8617


RIP Joe Gracey, lenda da música do Texas e cozinheiro e comedor apaixonado - receitas

Lembre-se de alguns anos atrás, quando o proprietário de uma empresa de processamento de pagamentos com cartão de crédito com sede em Seattle aumentou o salário mínimo de seus funcionários para US $ 70.000 / ano, enquanto recebia uma enorme redução de pagamento para ele e para os capitalistas de todo o mundo, com medo de seu amado e aparentemente suuuuper sistema delicado em colapso de tal loucura, pirado? 1 A BBC recentemente entrou em contato com a Gravity Payments e seu proprietário Dan Price para ver como as coisas estavam indo. Muito bem, como se constatou:

O quadro de funcionários dobrou e o valor dos pagamentos processados ​​pela empresa passou de US $ 3,8 bilhões por ano para US $ 10,2 bilhões.

Mas há outras métricas das quais Price se orgulha mais.

“Antes do salário mínimo de US $ 70.000, tínhamos entre zero e dois bebês nascidos por ano na equipe”, diz ele.

& ldquoE desde o anúncio & mdash e ele & rsquos durou apenas cerca de quatro anos e meio & mdash, nós & rsquove tivemos mais de 40 bebês. & rdquo

Mais de 10% da empresa conseguiu comprar casa própria, em uma das cidades mais caras dos Estados Unidos para locatários. Antes, o valor era inferior a 1%.

& ldquoHavia um pouco de preocupação entre os pontificadores de que as pessoas desperdiçariam quaisquer ganhos que tivessem. E nós realmente vimos o oposto ”, diz Price.

A quantidade de dinheiro que os funcionários estão voluntariamente colocando em seus próprios fundos de pensão mais do que dobrou e 70% dos funcionários afirmam que pagaram dívidas.

Quando Price fez o anúncio sobre o aumento de salários, dois funcionários seniores pediram demissão porque pensaram que os funcionários juniores ficariam preguiçosos e a empresa sofreria. Alerta de Spolier: não aconteceu.

Rosita Barlow, diretora de vendas da Gravity, diz que, desde que os salários aumentaram, os colegas juniores estão ganhando mais peso.

“Quando o dinheiro não está em primeiro plano em sua mente quando você precisa fazer seu trabalho, ele permite que você seja mais apaixonado pelo que o motiva”, diz ela.

A equipe sênior percebeu que sua carga de trabalho foi reduzida. Eles saem sob menor pressão e podem fazer coisas como tirar todas as férias a que têm direito.

O problema do aumento do número de bebês é espantoso. Parte disso tem que ser demográfica (funcionários ficando mais velhos e entrando nos primeiros anos de vida familiar), mas ter um bebê nos Estados Unidos é caro e isso tem que levar em conta a decisão de muitas pessoas sobre ter um filho, especialmente se for por um segundo criança ou se você tiver um pai solteiro.

Mas a observação mais interessante é esta de Price equiparando a liberdade de seus funcionários à sua capacidade:

& ldquoVimos, todos os dias, os efeitos de dar liberdade a alguém & rdquo Price.

Ele acha que é por isso que a Gravidade está ganhando mais dinheiro do que nunca.

O aumento dos salários não mudou a motivação das pessoas & mdash, ele diz que os funcionários já estavam motivados para trabalhar duro & mdash, mas aumentou o que ele chama de capacidade.

Os funcionários que se preocupam menos com dívidas, saúde ou de onde virá sua próxima refeição são funcionários mais felizes e produtivos. Imagine isso.

Atualizar: Embora o que ele fez ao aumentar os salários dos funcionários de sua empresa seja louvável, o próprio Price talvez não seja o modelo corporativo que o artigo da BBC o faz parecer. De um artigo de 2016 sobre Price in Esquire:

Em uma palestra TEDx no outono passado, a ex-mulher de Price & rsquos, Kristie, alegou que uma vez ele & ldquogot ficou com raiva de mim por ignorá-lo e me agarrou e me sacudiu & hellip Ele também me jogou no chão e subiu em cima de mim. Ele começou a me socar no estômago e me dar um tapa na cara. & Rdquo (O vídeo da palestra nunca foi divulgado, mas a Bloomberg Businessweek citou em uma matéria sobre Price em dezembro.) A ação movida por Lucas Price, seu sócio e irmão, não tinha relação com as alegações de Kristie. Lucas estava pedindo US $ 26 milhões porque, essencialmente, Dan tinha sido um idiota em seus negócios.

O resto da peça corrobora que Price é na verdade um idiota que aumentou os salários de seus funcionários parcialmente porque foi uma boa jogada de relações públicas. (via @adrianhon)

Você notou que quando os capitalistas radicais falam sobre planos para aumentar os impostos corporativos ou reinstituir um esquema de imposto de renda mais progressivo ou regular os negócios, eles parecem ter um medo mortal de que essas mudanças possam descarrilar completamente o capitalismo na América, como se o capitalismo fosse este super coisa fraca em vez de uma das invenções mais poderosamente imparáveis ​​que os humanos já criaram? Seu grande motor de mudança é realmente poderoso! Tenha um pouco de confiança em suas crenças, cara! & # 8617


RIP Joe Gracey, lenda da música do Texas e cozinheiro e comedor apaixonado - receitas

Lembre-se de alguns anos atrás, quando o proprietário de uma empresa de processamento de pagamentos com cartão de crédito com sede em Seattle aumentou o salário mínimo de seus funcionários para US $ 70.000 / ano, enquanto recebia uma enorme redução de pagamento para ele e para os capitalistas de todo o mundo, com medo de seu amado e aparentemente suuuuper sistema delicado em colapso de tal loucura, pirado? 1 A BBC recentemente entrou em contato com a Gravity Payments e seu proprietário Dan Price para ver como as coisas estavam indo. Muito bem, como se constatou:

O quadro de funcionários dobrou e o valor dos pagamentos processados ​​pela empresa passou de US $ 3,8 bilhões por ano para US $ 10,2 bilhões.

Mas há outras métricas das quais Price se orgulha mais.

“Antes do salário mínimo de US $ 70.000, tínhamos entre zero e dois bebês nascidos por ano na equipe”, diz ele.

& ldquoE desde o anúncio & mdash e ele & rsquos durou apenas cerca de quatro anos e meio & mdash, nós & rsquove tivemos mais de 40 bebês. & rdquo

Mais de 10% da empresa conseguiu comprar casa própria, em uma das cidades mais caras dos Estados Unidos para locatários. Antes, o valor era inferior a 1%.

& ldquoHavia um pouco de preocupação entre os pontificadores de que as pessoas desperdiçariam quaisquer ganhos que tivessem. E nós realmente vimos o oposto ”, diz Price.

A quantidade de dinheiro que os funcionários estão voluntariamente colocando em seus próprios fundos de pensão mais do que dobrou e 70% dos funcionários afirmam que pagaram dívidas.

Quando Price fez o anúncio sobre o aumento de salários, dois funcionários seniores pediram demissão porque pensaram que os funcionários juniores ficariam preguiçosos e a empresa sofreria. Alerta de Spolier: não aconteceu.

Rosita Barlow, diretora de vendas da Gravity, diz que, desde que os salários aumentaram, os colegas juniores estão ganhando mais peso.

“Quando o dinheiro não está em primeiro plano em sua mente quando você precisa fazer seu trabalho, ele permite que você seja mais apaixonado pelo que o motiva”, diz ela.

A equipe sênior percebeu que sua carga de trabalho foi reduzida. Eles saem sob menor pressão e podem fazer coisas como tirar todas as férias a que têm direito.

O problema do aumento do número de bebês é espantoso. Parte disso tem que ser demográfica (funcionários ficando mais velhos e entrando nos primeiros anos de vida familiar), mas ter um bebê nos Estados Unidos é caro e isso tem que levar em conta a decisão de muitas pessoas sobre ter um filho, especialmente se for por um segundo criança ou se você tiver um pai solteiro.

Mas a observação mais interessante é esta de Price equiparando a liberdade de seus funcionários à sua capacidade:

& ldquoVimos, todos os dias, os efeitos de dar liberdade a alguém & rdquo Price.

Ele acha que é por isso que a Gravidade está ganhando mais dinheiro do que nunca.

O aumento dos salários não mudou a motivação das pessoas & mdash, ele diz que os funcionários já estavam motivados para trabalhar duro & mdash, mas aumentou o que ele chama de capacidade.

Os funcionários que se preocupam menos com dívidas, saúde ou de onde virá sua próxima refeição são funcionários mais felizes e produtivos. Imagine isso.

Atualizar: Embora o que ele fez ao aumentar os salários dos funcionários de sua empresa seja louvável, o próprio Price talvez não seja o modelo corporativo que o artigo da BBC o faz parecer. De um artigo de 2016 sobre Price in Esquire:

Em uma palestra TEDx no outono passado, a ex-mulher de Price & rsquos, Kristie, alegou que uma vez ele & ldquogot ficou com raiva de mim por ignorá-lo e me agarrou e me sacudiu & hellip Ele também me jogou no chão e subiu em cima de mim. Ele começou a me socar no estômago e me dar um tapa na cara. & Rdquo (O vídeo da palestra nunca foi divulgado, mas a Bloomberg Businessweek citou em uma matéria sobre Price em dezembro.) A ação movida por Lucas Price, seu sócio e irmão, não tinha relação com as alegações de Kristie. Lucas estava pedindo US $ 26 milhões porque, essencialmente, Dan tinha sido um idiota em seus negócios.

O resto da peça corrobora que Price é na verdade um idiota que aumentou os salários de seus funcionários parcialmente porque foi uma boa jogada de relações públicas. (via @adrianhon)

Você notou que quando os capitalistas radicais falam sobre planos para aumentar os impostos corporativos ou reinstituir um esquema de imposto de renda mais progressivo ou regular os negócios, eles parecem ter um medo mortal de que essas mudanças possam descarrilar completamente o capitalismo na América, como se o capitalismo fosse este super coisa fraca em vez de uma das invenções mais poderosamente imparáveis ​​que os humanos já criaram? Seu grande motor de mudança é realmente poderoso! Tenha um pouco de confiança em suas crenças, cara! & # 8617


RIP Joe Gracey, lenda da música do Texas e cozinheiro e comedor apaixonado - receitas

Lembre-se de alguns anos atrás, quando o proprietário de uma empresa de processamento de pagamentos com cartão de crédito com sede em Seattle aumentou o salário mínimo de seus funcionários para US $ 70.000 / ano, enquanto recebia uma enorme redução de pagamento para ele e para os capitalistas de todo o mundo, com medo de seu amado e aparentemente suuuuper sistema delicado em colapso de tal loucura, pirado? 1 A BBC recentemente entrou em contato com a Gravity Payments e seu proprietário Dan Price para ver como as coisas estavam indo. Muito bem, como se constatou:

O quadro de funcionários dobrou e o valor dos pagamentos processados ​​pela empresa passou de US $ 3,8 bilhões por ano para US $ 10,2 bilhões.

Mas há outras métricas das quais Price se orgulha mais.

“Antes do salário mínimo de US $ 70.000, tínhamos entre zero e dois bebês nascidos por ano na equipe”, diz ele.

& ldquoE desde o anúncio & mdash e ele & rsquos durou apenas cerca de quatro anos e meio & mdash, nós & rsquove tivemos mais de 40 bebês. & rdquo

Mais de 10% da empresa conseguiu comprar casa própria, em uma das cidades mais caras dos Estados Unidos para locatários. Antes, o valor era inferior a 1%.

& ldquoHavia um pouco de preocupação entre os pontificadores de que as pessoas desperdiçariam quaisquer ganhos que tivessem. E nós realmente vimos o oposto ”, diz Price.

A quantidade de dinheiro que os funcionários estão voluntariamente colocando em seus próprios fundos de pensão mais do que dobrou e 70% dos funcionários afirmam que pagaram dívidas.

Quando Price fez o anúncio sobre o aumento de salários, dois funcionários seniores pediram demissão porque pensaram que os funcionários juniores ficariam preguiçosos e a empresa sofreria. Alerta de Spolier: não aconteceu.

Rosita Barlow, diretora de vendas da Gravity, diz que, desde que os salários aumentaram, os colegas juniores estão ganhando mais peso.

“Quando o dinheiro não está em primeiro plano em sua mente quando você precisa fazer seu trabalho, ele permite que você seja mais apaixonado pelo que o motiva”, diz ela.

A equipe sênior percebeu que sua carga de trabalho foi reduzida. Eles saem sob menor pressão e podem fazer coisas como tirar todas as férias a que têm direito.

O problema do aumento do número de bebês é espantoso. Parte disso tem que ser demográfica (funcionários ficando mais velhos e entrando nos primeiros anos de vida familiar), mas ter um bebê nos Estados Unidos é caro e isso tem que levar em conta a decisão de muitas pessoas sobre ter um filho, especialmente se for por um segundo criança ou se você tiver um pai solteiro.

Mas a observação mais interessante é esta de Price equiparando a liberdade de seus funcionários à sua capacidade:

& ldquoVimos, todos os dias, os efeitos de dar liberdade a alguém & rdquo Price.

Ele acha que é por isso que a Gravidade está ganhando mais dinheiro do que nunca.

O aumento dos salários não mudou a motivação das pessoas & mdash, ele diz que os funcionários já estavam motivados para trabalhar duro & mdash, mas aumentou o que ele chama de capacidade.

Os funcionários que se preocupam menos com dívidas, saúde ou de onde virá sua próxima refeição são funcionários mais felizes e produtivos. Imagine isso.

Atualizar: Embora o que ele fez ao aumentar os salários dos funcionários de sua empresa seja louvável, o próprio Price talvez não seja o modelo corporativo que o artigo da BBC o faz parecer. De um artigo de 2016 sobre Price in Esquire:

Em uma palestra TEDx no outono passado, a ex-mulher de Price & rsquos, Kristie, alegou que uma vez ele & ldquogot ficou com raiva de mim por ignorá-lo e me agarrou e me sacudiu & hellip Ele também me jogou no chão e subiu em cima de mim. Ele começou a me socar no estômago e me dar um tapa na cara. & Rdquo (O vídeo da palestra nunca foi divulgado, mas a Bloomberg Businessweek citou em uma matéria sobre Price em dezembro.) A ação movida por Lucas Price, seu sócio e irmão, não tinha relação com as alegações de Kristie. Lucas estava pedindo US $ 26 milhões porque, essencialmente, Dan tinha sido um idiota em seus negócios.

O resto da peça corrobora que Price é na verdade um idiota que aumentou os salários de seus funcionários parcialmente porque foi uma boa jogada de relações públicas. (via @adrianhon)

Você notou que quando os capitalistas radicais falam sobre planos para aumentar os impostos corporativos ou reinstituir um esquema de imposto de renda mais progressivo ou regular os negócios, eles parecem ter um medo mortal de que essas mudanças possam descarrilar completamente o capitalismo na América, como se o capitalismo fosse este super coisa fraca em vez de uma das invenções mais poderosamente imparáveis ​​que os humanos já criaram? Seu grande motor de mudança é realmente poderoso! Tenha um pouco de confiança em suas crenças, cara! & # 8617


RIP Joe Gracey, Texas Music Legend and Passionate Cook and Eater - Recipes

Remember a few years ago when the owner of a credit card payment processing company based in Seattle raised the minimum wage of his employees to $70,000/yr while taking a huge pay-cut himself and capitalists the world over, afraid of their beloved & apparently suuuuper delicate system collapsing from such madness, flipped out? 1 The BBC recently checked in with Gravity Payments and its owner Dan Price to see how things were going. Pretty damn well, as it turns out:

The headcount has doubled and the value of payments that the company processes has gone from $3.8bn a year to $10.2bn.

But there are other metrics that Price is more proud of.

&ldquoBefore the $70,000 minimum wage, we were having between zero and two babies born per year amongst the team,&rdquo he says.

&ldquoAnd since the announcement &mdash and it&rsquos been only about four-and-a-half years &mdash we&rsquove had more than 40 babies.&rdquo

More than 10% of the company have been able to buy their own home, in one of the US&rsquos most expensive cities for renters. Before the figure was less than 1%.

&ldquoThere was a little bit of concern amongst pontificators out there that people would squander any gains that they would have. And we&rsquove really seen the opposite,&rdquo Price says.

The amount of money that employees are voluntarily putting into their own pension funds has more than doubled and 70% of employees say they&rsquove paid off debt.

When Price made the announcement about raising wages, two senior employees quit because they thought the junior employees would become lazy and the company would suffer. Spolier alert: didn&rsquot happen.

Rosita Barlow, director of sales at Gravity, says that since salaries were raised junior colleagues have been pulling more weight.

&ldquoWhen money is not at the forefront of your mind when you&rsquore doing your job, it allows you to be more passionate about what motivates you,&rdquo she says.

Senior staff have found their workload reduced. They&rsquore under less pressure and can do things like take all of the holiday leave to which they are entitled.

The thing about the increased number of babies is astounding. Some of that has to be demographic (employees getting older and entering prime family-starting years) but having a baby in the United States is expensive and that has to factor into many people&rsquos decision on whether to have a child, especially if it&rsquos a second kid or if you&rsquore a single parent.

But the most interesting observation is this one by Price equating the freedom of his employees to their capability:

&ldquoWe saw, every day, the effects of giving somebody freedom,&rdquo Price says.

He thinks it is why Gravity is making more money than ever.

Raising salaries didn&rsquot change people&rsquos motivation &mdash he says staff were already motivated to work hard &mdash but it increased what he calls their capability.

Employees that worry less about debt, healthcare, or where their next meal is coming from are happier, more productive employees. Imagine that.

Update: Although what he did in raising the salaries of his company&rsquos employees is commendable, Price himself is perhaps not the corporate role model that BBC article makes him out to be. From a 2016 piece about Price in Esquire:

In a TEDx Talk last fall, Price&rsquos ex-wife, Kristie, claimed he once &ldquogot mad at me for ignoring him and grabbed me and shook me&hellip He also threw me to the ground and got on top of me. He started punching me in the stomach and slapped me across the face.&rdquo (The video of the talk was never released, but Bloomberg Businessweek quoted it in a story about Price in December.) The suit brought by Lucas Price, his business partner and brother, was unrelated to Kristie&rsquos allegations. Lucas was seeking $26 million because, essentially, Dan had been a dick in their business dealings.

The rest of the piece corroborates that Price is in fact a dick who raised his employees&rsquo salaries partially because it was a good PR move. (via @adrianhon)

Have you noticed that when hardcore capitalists talk about plans to raise corporate taxes or re-institute a more progressive income tax scheme or regulate businesses, they seem deathly afraid that these changes are going to completely derail capitalism in America, as if capitalism were this super weak thing instead of one of the most powerfully unstoppable inventions that humans have ever created? Your great engine of change is indeed mighty! Have some confidence in your beliefs, man!↩


RIP Joe Gracey, Texas Music Legend and Passionate Cook and Eater - Recipes

Remember a few years ago when the owner of a credit card payment processing company based in Seattle raised the minimum wage of his employees to $70,000/yr while taking a huge pay-cut himself and capitalists the world over, afraid of their beloved & apparently suuuuper delicate system collapsing from such madness, flipped out? 1 The BBC recently checked in with Gravity Payments and its owner Dan Price to see how things were going. Pretty damn well, as it turns out:

The headcount has doubled and the value of payments that the company processes has gone from $3.8bn a year to $10.2bn.

But there are other metrics that Price is more proud of.

&ldquoBefore the $70,000 minimum wage, we were having between zero and two babies born per year amongst the team,&rdquo he says.

&ldquoAnd since the announcement &mdash and it&rsquos been only about four-and-a-half years &mdash we&rsquove had more than 40 babies.&rdquo

More than 10% of the company have been able to buy their own home, in one of the US&rsquos most expensive cities for renters. Before the figure was less than 1%.

&ldquoThere was a little bit of concern amongst pontificators out there that people would squander any gains that they would have. And we&rsquove really seen the opposite,&rdquo Price says.

The amount of money that employees are voluntarily putting into their own pension funds has more than doubled and 70% of employees say they&rsquove paid off debt.

When Price made the announcement about raising wages, two senior employees quit because they thought the junior employees would become lazy and the company would suffer. Spolier alert: didn&rsquot happen.

Rosita Barlow, director of sales at Gravity, says that since salaries were raised junior colleagues have been pulling more weight.

&ldquoWhen money is not at the forefront of your mind when you&rsquore doing your job, it allows you to be more passionate about what motivates you,&rdquo she says.

Senior staff have found their workload reduced. They&rsquore under less pressure and can do things like take all of the holiday leave to which they are entitled.

The thing about the increased number of babies is astounding. Some of that has to be demographic (employees getting older and entering prime family-starting years) but having a baby in the United States is expensive and that has to factor into many people&rsquos decision on whether to have a child, especially if it&rsquos a second kid or if you&rsquore a single parent.

But the most interesting observation is this one by Price equating the freedom of his employees to their capability:

&ldquoWe saw, every day, the effects of giving somebody freedom,&rdquo Price says.

He thinks it is why Gravity is making more money than ever.

Raising salaries didn&rsquot change people&rsquos motivation &mdash he says staff were already motivated to work hard &mdash but it increased what he calls their capability.

Employees that worry less about debt, healthcare, or where their next meal is coming from are happier, more productive employees. Imagine that.

Update: Although what he did in raising the salaries of his company&rsquos employees is commendable, Price himself is perhaps not the corporate role model that BBC article makes him out to be. From a 2016 piece about Price in Esquire:

In a TEDx Talk last fall, Price&rsquos ex-wife, Kristie, claimed he once &ldquogot mad at me for ignoring him and grabbed me and shook me&hellip He also threw me to the ground and got on top of me. He started punching me in the stomach and slapped me across the face.&rdquo (The video of the talk was never released, but Bloomberg Businessweek quoted it in a story about Price in December.) The suit brought by Lucas Price, his business partner and brother, was unrelated to Kristie&rsquos allegations. Lucas was seeking $26 million because, essentially, Dan had been a dick in their business dealings.

The rest of the piece corroborates that Price is in fact a dick who raised his employees&rsquo salaries partially because it was a good PR move. (via @adrianhon)

Have you noticed that when hardcore capitalists talk about plans to raise corporate taxes or re-institute a more progressive income tax scheme or regulate businesses, they seem deathly afraid that these changes are going to completely derail capitalism in America, as if capitalism were this super weak thing instead of one of the most powerfully unstoppable inventions that humans have ever created? Your great engine of change is indeed mighty! Have some confidence in your beliefs, man!↩


RIP Joe Gracey, Texas Music Legend and Passionate Cook and Eater - Recipes

Remember a few years ago when the owner of a credit card payment processing company based in Seattle raised the minimum wage of his employees to $70,000/yr while taking a huge pay-cut himself and capitalists the world over, afraid of their beloved & apparently suuuuper delicate system collapsing from such madness, flipped out? 1 The BBC recently checked in with Gravity Payments and its owner Dan Price to see how things were going. Pretty damn well, as it turns out:

The headcount has doubled and the value of payments that the company processes has gone from $3.8bn a year to $10.2bn.

But there are other metrics that Price is more proud of.

&ldquoBefore the $70,000 minimum wage, we were having between zero and two babies born per year amongst the team,&rdquo he says.

&ldquoAnd since the announcement &mdash and it&rsquos been only about four-and-a-half years &mdash we&rsquove had more than 40 babies.&rdquo

More than 10% of the company have been able to buy their own home, in one of the US&rsquos most expensive cities for renters. Before the figure was less than 1%.

&ldquoThere was a little bit of concern amongst pontificators out there that people would squander any gains that they would have. And we&rsquove really seen the opposite,&rdquo Price says.

The amount of money that employees are voluntarily putting into their own pension funds has more than doubled and 70% of employees say they&rsquove paid off debt.

When Price made the announcement about raising wages, two senior employees quit because they thought the junior employees would become lazy and the company would suffer. Spolier alert: didn&rsquot happen.

Rosita Barlow, director of sales at Gravity, says that since salaries were raised junior colleagues have been pulling more weight.

&ldquoWhen money is not at the forefront of your mind when you&rsquore doing your job, it allows you to be more passionate about what motivates you,&rdquo she says.

Senior staff have found their workload reduced. They&rsquore under less pressure and can do things like take all of the holiday leave to which they are entitled.

The thing about the increased number of babies is astounding. Some of that has to be demographic (employees getting older and entering prime family-starting years) but having a baby in the United States is expensive and that has to factor into many people&rsquos decision on whether to have a child, especially if it&rsquos a second kid or if you&rsquore a single parent.

But the most interesting observation is this one by Price equating the freedom of his employees to their capability:

&ldquoWe saw, every day, the effects of giving somebody freedom,&rdquo Price says.

He thinks it is why Gravity is making more money than ever.

Raising salaries didn&rsquot change people&rsquos motivation &mdash he says staff were already motivated to work hard &mdash but it increased what he calls their capability.

Employees that worry less about debt, healthcare, or where their next meal is coming from are happier, more productive employees. Imagine that.

Update: Although what he did in raising the salaries of his company&rsquos employees is commendable, Price himself is perhaps not the corporate role model that BBC article makes him out to be. From a 2016 piece about Price in Esquire:

In a TEDx Talk last fall, Price&rsquos ex-wife, Kristie, claimed he once &ldquogot mad at me for ignoring him and grabbed me and shook me&hellip He also threw me to the ground and got on top of me. He started punching me in the stomach and slapped me across the face.&rdquo (The video of the talk was never released, but Bloomberg Businessweek quoted it in a story about Price in December.) The suit brought by Lucas Price, his business partner and brother, was unrelated to Kristie&rsquos allegations. Lucas was seeking $26 million because, essentially, Dan had been a dick in their business dealings.

The rest of the piece corroborates that Price is in fact a dick who raised his employees&rsquo salaries partially because it was a good PR move. (via @adrianhon)

Have you noticed that when hardcore capitalists talk about plans to raise corporate taxes or re-institute a more progressive income tax scheme or regulate businesses, they seem deathly afraid that these changes are going to completely derail capitalism in America, as if capitalism were this super weak thing instead of one of the most powerfully unstoppable inventions that humans have ever created? Your great engine of change is indeed mighty! Have some confidence in your beliefs, man!↩


RIP Joe Gracey, Texas Music Legend and Passionate Cook and Eater - Recipes

Remember a few years ago when the owner of a credit card payment processing company based in Seattle raised the minimum wage of his employees to $70,000/yr while taking a huge pay-cut himself and capitalists the world over, afraid of their beloved & apparently suuuuper delicate system collapsing from such madness, flipped out? 1 The BBC recently checked in with Gravity Payments and its owner Dan Price to see how things were going. Pretty damn well, as it turns out:

The headcount has doubled and the value of payments that the company processes has gone from $3.8bn a year to $10.2bn.

But there are other metrics that Price is more proud of.

&ldquoBefore the $70,000 minimum wage, we were having between zero and two babies born per year amongst the team,&rdquo he says.

&ldquoAnd since the announcement &mdash and it&rsquos been only about four-and-a-half years &mdash we&rsquove had more than 40 babies.&rdquo

More than 10% of the company have been able to buy their own home, in one of the US&rsquos most expensive cities for renters. Before the figure was less than 1%.

&ldquoThere was a little bit of concern amongst pontificators out there that people would squander any gains that they would have. And we&rsquove really seen the opposite,&rdquo Price says.

The amount of money that employees are voluntarily putting into their own pension funds has more than doubled and 70% of employees say they&rsquove paid off debt.

When Price made the announcement about raising wages, two senior employees quit because they thought the junior employees would become lazy and the company would suffer. Spolier alert: didn&rsquot happen.

Rosita Barlow, director of sales at Gravity, says that since salaries were raised junior colleagues have been pulling more weight.

&ldquoWhen money is not at the forefront of your mind when you&rsquore doing your job, it allows you to be more passionate about what motivates you,&rdquo she says.

Senior staff have found their workload reduced. They&rsquore under less pressure and can do things like take all of the holiday leave to which they are entitled.

The thing about the increased number of babies is astounding. Some of that has to be demographic (employees getting older and entering prime family-starting years) but having a baby in the United States is expensive and that has to factor into many people&rsquos decision on whether to have a child, especially if it&rsquos a second kid or if you&rsquore a single parent.

But the most interesting observation is this one by Price equating the freedom of his employees to their capability:

&ldquoWe saw, every day, the effects of giving somebody freedom,&rdquo Price says.

He thinks it is why Gravity is making more money than ever.

Raising salaries didn&rsquot change people&rsquos motivation &mdash he says staff were already motivated to work hard &mdash but it increased what he calls their capability.

Employees that worry less about debt, healthcare, or where their next meal is coming from are happier, more productive employees. Imagine that.

Update: Although what he did in raising the salaries of his company&rsquos employees is commendable, Price himself is perhaps not the corporate role model that BBC article makes him out to be. From a 2016 piece about Price in Esquire:

In a TEDx Talk last fall, Price&rsquos ex-wife, Kristie, claimed he once &ldquogot mad at me for ignoring him and grabbed me and shook me&hellip He also threw me to the ground and got on top of me. He started punching me in the stomach and slapped me across the face.&rdquo (The video of the talk was never released, but Bloomberg Businessweek quoted it in a story about Price in December.) The suit brought by Lucas Price, his business partner and brother, was unrelated to Kristie&rsquos allegations. Lucas was seeking $26 million because, essentially, Dan had been a dick in their business dealings.

The rest of the piece corroborates that Price is in fact a dick who raised his employees&rsquo salaries partially because it was a good PR move. (via @adrianhon)

Have you noticed that when hardcore capitalists talk about plans to raise corporate taxes or re-institute a more progressive income tax scheme or regulate businesses, they seem deathly afraid that these changes are going to completely derail capitalism in America, as if capitalism were this super weak thing instead of one of the most powerfully unstoppable inventions that humans have ever created? Your great engine of change is indeed mighty! Have some confidence in your beliefs, man!↩


Assista o vídeo: Leroy the Redneck Reindeer RIP Joe the legend Diffie (Outubro 2021).